Oi, o que você está procurando?

Região

PM divulga nota sobre caso de adolescente supostamente sequestrado em Birigui

Caso é investigado pela Polícia Civil

O 2º Batalhão de Polícia Militar divulgou uma nota sobre o caso de um adolescente de 16 anos que teria sido sequestrado por dois casais na noite de domingo (7), em Birigui. O caso foi registrado no plantão da Polícia Civil pela irmã do menor e continua em investigação. Abaixo, a íntegra da nota da PM:

“Na tarde de ontem, 07 de março de 2021, por volta das 16h55min, policiais militares realizaram abordagem a dois adolescentes que se encontravam em atitude suspeita no bairro Chácaras Caicaras, em Birigui.

Os adolescentes traziam consigo certa quantia em dinheiro, principalmente moedas, que depois de indagados deram versões diferentes sobre a origem do dinheiro. Como os adolescentes possuem registros da prática de ocorrências de furto à residência e veículos, e devido à divergência sobre a procedência do dinheiro, eles foram conduzidos ao distrito policial para o registro dos fatos e possível apreensão do dinheiro.

A genitora de um dos adolescentes, quando chegou ao plantão policial, afirmou que havia dado o dinheiro ao filho, motivo pelo qual os adolescentes, depois de ouvidos, foram liberados aos pais e o dinheiro lhes foi restituído, encerrando a ocorrência às 20h02min.

Existe um boletim de ocorrência registrado pela família de um dos adolescentes às 22h50min de ontem, ocasião em que a irmã dele disse na delegacia de polícia que o adolescente estava na casa de sua namorada e em determinado momento parou um veículo modelo Ônix de cor branca, ocupado por dois casais trajados civilmente, os quais desembarcaram, agrediram o adolescente, colocaram-no no porta-malas do veículo e teriam dito: “você vai aprender a não roubar casa de policial”.

O caso foi registrado pela Polícia Civil como Sequestro e Cárcere privado, crimes comuns e, portanto, de competência de apuração de Polícia Judiciária Comum. Há de se frisar, que até o presente momento, não existe nenhuma indicação que possa levar a crer que foram policiais militares quem, supostamente, realizaram tal fato. Lembramos que os adolescentes saíram do distrito policial na companhia dos pais.

A Polícia Militar reafirma seu compromisso com a defesa da vida, da integridade física e da dignidade da pessoa humana, por meio de treinamentos e aprimoramentos contínuos de seus integrantes, sempre objetivando garantir os direitos humanos fundamentais de todas as pessoas, indistintamente”.

Araçatuba, 08 de março de 2021.
Comunicação Social do 2º BPM/I

Leia mais sobre o assunto:

Adolescente é levado a força por dois casais em porta-malas de carro em Birigui

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
40