Oi, o que você está procurando?

Araçatuba

PS tem 14 pessoas à espera de leito de hospital; internações crescem 30%

Outras 23 pessoas estão em observação na unidade de urgência e emergência de Araçatuba; Santa Casa opera acima de sua capacidade e não tem leitos disponíveis

O Pronto-Socorro Municipal Aida Vanzo Dolce, de Araçatuba, está com 14 pacientes à espera de um leito clínico na Santa Casa. Outras 23 pessoas estão em observação na unidade, responsável pelos atendimentos de urgência e emergência na cidade.

A Santa Casa de Araçatuba opera acima de sua capacidade. O hospital tem 62 leitos de enfermaria e está com 63 doentes, ocupação de 101,6%. Na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), os 35 leitos estão ocupados.

Conforme a secretária municipal de Saúde, Carmem Guariente, não há pacientes intubados no pronto-socorro. Ao chegar a unidade, o paciente é avaliado com a medição da saturação de oxigênio, realização de exames laboratoriais e de raio X e aplicação de medicações.

Em casos de necessidade, o paciente fica na unidade aguardando um leito hospitalar ou em observação, dependendo da gravidade e dos riscos, principalmente se a saturação de oxigênio estiver baixa, explicou a secretária, durante live realizada no início desta tarde (31) pelas redes sociais da Prefeitura.

Balanço das internações

Em 16 dias da fase emergencial, adotada no dia 15 de março, a secretária informou que houve um aumento significativo no número de internações. No dia 15 deste mês, a média móvel era de 39 internações por dia. Nessa terça-feira (30), a média móvel estava em 51 internações/dia, o que representa um aumento de 30%.

No dia 24 de março, porém, o município atingiu a maior média móvel de internação, com 54 pacientes por dia necessitando de leitos hospitalares.

“É um aumento importante, pois acima de 15% nos mostra o avanço da pandemia. Por isso é preciso que as medidas restritivas continuem”, afirmou a secretária. Conforme ela, nesta segunda onda, os casos iniciam e, de três a sete dias, o paciente precisa de internação, o que tem acelerado a demanda por leitos, tanto de enfermaria quanto de UTI.

Um dos reflexos é o grande número de pacientes no Hospital Municipal da Mulher, que foi aberto no dia 22 deste mês e já possui 25 pacientes internados. “Nós pensamos que iniciaríamos a semana com dez pacientes, mas, rapidamente, chegamos aos 25 leitos ocupados”, disse.

O Hospital Municipal tem 33 leitos, mas não é porta aberta, recebendo apenas os pacientes que são transferidos pelo pronto-socorro municipal ou pela Santa Casa de Araçatuba.

Isolamento

Em função do aumento das internações e a ocupação acima da capacidade na Santa Casa local, a secretária alerta que é necessário que as medidas restritivas continuem, visando, principalmente, a redução da circulação de pessoas no feriado da Páscoa. O município antecipou o feriado de Corpus Christi, que seria em junho, para esta quinta-feira (1º), emendando com o feriado de Sexta-Feira Santa (2).

“Não é o momento de visitar parentes ou amigos. Cada um deve conviver na sua própria casa. Não reúna pessoas que moram em casas diferentes para que possamos reduzir a transmissão”, alertou. Ela também reforçou que as medidas sanitárias de manter o distanciamento social, evitar aglomerações, usar a máscara de proteção facial e manter as mãos limpas devem ser mantidas.

 

 

 

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
ANUNCIANTE