Oi, o que você está procurando?

Pandemia

Estudante de Medicina de 33 anos morre de Covid-19

Antônio Francisco Bertocco Júnior era aluno do curso de Medicina da Fundação Educacional de Penápolis e atuava na linha de frente de combate à doença

Conhecido como Tonhão, ele era natural de Avanhandava - Foto: Reprodução/Facebook

Penápolis registrou, nesta terça-feira (9), a 85ª morte em decorrência da Covid-19, o novo coronavírus. A vítima precoce foi o jovem Antônio Júnior Bertocco, de 33 anos, mais conhecido como Tonhão ou Juninho. Estudante da primeira turma do curso de medicina pela Funepe (Fundação Educacional de Penápolis), ele atuava na linha de frente de combate à doença.

Professor de Biologia e Ciências, atuou na escola estadual Maria Eunice Martins Ferreira, em Avanhandava, onde residem seus familiares. O óbito cobriu os dois municípios de luto. O sepultamento ocorreu no final da manhã desta terça-feira, no cemitério de Avanhandava.

Além de uma legião de amigos, Tonhão deixou os pais, sobrinho e duas irmãs, sendo uma delas médica e inúmeras saudades. A fundação emitiu nota de pesar, lamentando a partida precoce do dedicado aluno. “Não tendo palavras para expressar os nossos sentimentos, prestamos nossas condolências aos familiares e amigos”, dizem.

Casos

No boletim epidemiológico, a Secretaria Municipal de Saúde informou que está em investigação o óbito de um idoso de 82 anos, ocorrido nessa segunda-feira (8). Nas últimas 24 horas, a cidade registrou 23 novos casos positivos da doença, passando de 3.859 para 3.882.

Do total, 15 estão internados, 442 em quarentena e 3.340 recuperados. O número de suspeitos que aguardam resultado dos exames laboratoriais ou a data para a realização do teste rápido é de 382. Outros 599 foram descartados por avaliação clínico-epidemiológica e 7.878 tiveram resultado negativo para o coronavírus.

Leitos

Os leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), destinados ao tratamento dos pacientes infectados pela Covid-19 voltaram a ficar 100% ocupados. As dez unidades são usadas por oito pacientes da cidade – todos positivos com o vírus – e dois de Barbosa.

Já dos 41 de enfermaria, 15 são ocupados – 36,59% – por dez moradores de Penápolis – sete com a Covid e três aguardando exames -, além de cinco da microrregião, sendo dois de Glicério, um de Avanhandava, um de Barbosa e um de Braúna. Os três leitos de suporte ventilatório estão disponíveis.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
39