Oi, o que você está procurando?

Araçatuba

Bolivianos presos com 6,6 kg de cocaína são condenados a 9 anos de prisão

Prisão ocorreu em agosto do ano passado e sentença foi proferida pela Justiça nesta terça-feira (23)

Cocaína apreendida pelo TOR com os dois bolivianos (Foto de Arquivo)

Os bolivianos Reick Villca Calizaya e Orlando Montano, presos em Araçatuba (SP) com 6,6 quilos de cocaína, foram condenados pela Justiça a 9 anos e 4 meses de reclusão. A sentença, proferida pelo juiz  Emerson Sumariva Junior, titular da 3ª Vara Criminal, saiu na manhã desta terça-feira (23).

Eles estão em uma penitenciária de segurança máxima. “Tratando-se de crime de tráfico de entorpecente, delito grave e que exige reprimenda severa, equiparado a hediondo, fixo o regime fechado para início do cumprimento da pena”, observou o magistrado na sentença.

A prisão da dupla ocorreu em 28 de agosto do ano passado e foi feita por policiais do TOR (Tático Ostensivo Rodoviário) na rodovia Marechal Rondon (SP-300), em Araçatuba.

Os bolivianos viajavam em um ônibus de transporte interestadual de passageiros que seguia do Mato Grosso do Sul para São Paulo. Durante a revista, eles apresentaram nervosismo e os policiais acharam sete tabletes de cocaína na bagagem de ambos.

Os presos, que são Cochabamba,  na Bolívia, admitiram que o tráfico e disseram que cada um iria receber R$ 3,2 mil para levar a droga até a cidade de Jaú (SP).

“Os réus, embora tecnicamente primários, transportavam excessiva quantidade de entorpecente e não se pode esquecer o efeito deletério da droga e de sua repercussão no incremento da violência”, escreveu Sumariva na sentença.

 

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!