Oi, o que você está procurando?

R$ 70 mil

Dilador e esposa tem contas de redes sociais invadidas e são vítimas de tentativa de extorsão

Uma pessoa começou a ligar para um filho do casal exigindo a quantia de R$ 70 mil para não fazer postagens referentes ao prefeito na conta da esposa dele

O prefeito de Araçatuba, Dilador Borges Damasceno e sua esposa, Deomerce de Souza Damasceno tiveram as contas de redes sociais invadidas e passaram a ser vítimas de tentativa de extorsão. Conforme boletim de ocorrência, uma pessoa começou a ligar para um filho do casal exigindo a quantia de R$ 70 mil para não fazer postagens referentes ao prefeito na conta da esposa dele.

O caso foi registrado na polícia nesta quinta-feira (7), mas as contas foram invadidas no dia 20 de dezembro. O prefeito relatou à polícia que uma pessoa invadiu um antigo e-mail e mudou a senha, impedindo seu acesso. Dilador disse que mudou a plataforma de domínio e conseguiu acessar novamente.

No entanto, em apenas 40 minutos o e-mail foi invadido de novo e teve a senha alterada. Com este e-mail o autor teve acesso ao instagram e facebook da primeira-dama, e passou a entrar em contato com as vítimas em uma tentativa de extorsão, exigindo R$ 70 mil para não publicar no Facebook da vítima, que contém mais de 5 mil seguidores, dados e fatos sobre o prefeito, mesmo que fossem fatos inverídicos, e que tais fatos irão prejudicá-lo em sua vida política e pessoal.

Dilador esclarece que não há nada de irregular nos seus e-mails ou Facebook de sua esposa, sendo este último de acesso público, mas, o que lhe causa temor são as “Fake News”. O prefeito conseguiu reaver o domínio de seu e-mail e Deomerce conseguiu reaver o domínio seu e-mail e Instagram. No entanto, ela não conseguiu reaver o acesso ao domínio de seu Facebook, o qual ainda está na posse do autor, que está postando mensagens se passando por ela, prometendo divulgar fatos relevantes sobre Dilador.

As vítimas esclarecem que o autor posta mensagens no facebook e whatsapp e minutos depois apaga, o que dificulta copiar tais mensagens, porém algumas delas foram copiadas e foram apresentadas à polícia.

No facebook da vítima, pessoas que estão cientes da clonagem da plataforma, entram no referido facebook e informam que as mensagens são falsas, porém, o autor bloqueia tais pessoas. As vítimas estão receosas e apreensivas com fake news que podem vir a prejudicá-las. O que causa estranheza por parte das vítimas são as riquezas de detalhes sobre as suas rotinas.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
ANUNCIANTE
43