Oi, o que você está procurando?

criminalidade

Mapeamento aponta principais crimes por região em Araçatuba

Furtos prevalecem no topo do balanço de registros de ocorrências nos quatro distritos policiais de Araçatuba

Conforme balanço da estatística de criminalidade da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, os furtos foram os crimes mais praticados em Araçatuba em 2020 registrados nos quatro distritos policiais da cidade. A incidência varia conforme a região, e também pelo fato de alguns distritos policiais abrangerem uma área maior da cidade. Câmeras de segurança particulares têm sido aliadas ao trabalho da Polícia e Justiça em diversos crimes.

Araçatuba é divida em quatro setores no âmbito da Polícia Civil para as ocorrências diversas, exceto em casos das unidades especializadas, como GOE, Dise, Delegacia do Idoso, Delegacia de Defesa da Mulher e outras. O 1º Distrito Policial abrange principalmente a área central e é a que tem um número menor de registro de crimes.

O 2º Distrito abrange regiões como a zona leste, com grande incidência de ocorrências e também bairros com o Santana, Santa Luzia e outros, e pode ser considerado o mais movimentado. Já o 3º Distrito, que também concentra grande parte das ocorrências, assim como o 2º, abrange a zona oeste parte do extremo norte, incluindo bairros que vão desde o Atlântico, Águas Claras, São José, Porto Real, Beatriz, Planalto, Presidente e outras no entorno. E o 4º Distrito pega parte da cidade em direção ao extremo sul.

O balanço de 2020 mostra que a região do 2º Distrito é a que tem maior índice de furtos, com 787 registros, e maior índice de feridos em acidentes de trânsito, com 462 ocorrências, e também concentra o maior número de homicídios, 18 casos.

O 3º Distrito apresentou no ano passado o maior número de ocorrências de tráfico, com 287 casos, e de estupros, com 21 casos, além de 706 casos de furtos, perdendo apenas para o 2º Distrito. No rancking de homicídios a região aparece em segundo lugar, com 15 casos. Os menores índices de ocorrências são no 1º Distrito, inclusive pelo fato de abranger uma região menor da cidade, e no centro. Nesta área não houve nenhum registro de homicídio. Na região do 4º Distrito fora três homicídios e a maior incidência de ocorrências também foi de furtos, com 499 casos. Este DP registrou ainda 18 casos de estupro.

Câmeras

O juiz Emerson Sumariva Júnior, diretor regional da Apamagis (Associação Paulista dos Magistrados) disse que hoje câmeras de segurança têm sido grandes aliadas em trabalhos investigativos e também à Justiça, e em muitos casos a polícia recorre a essas imagens.

Ele lembrou inclusive de um homicídio que aconteceu recentemente em Santo Antônio do Aracanguá, quando um funcionário público assassinou a vizinha. O caso foi esclarecido após análise de imagens de câmeras de segurança. Ele lembra que essas imagens podem ser utilizadas em processo e tem valor probatório normal.

O empresário João Carlos Garcia, da Cam Monitoramento, alarmes e Portaria Remota, acredita que hoje em Araçatuba, 50% da cidade possui câmeras em circuitos de segurança. Nos bairros mais afastados, grande parte dos estabelecimentos comerciais já contam com esse sistema. Além de empresas, semanalmente ele diz que faz instalações em residências, a maioria de médio e alto padrão. Por dia são emitidos de dois a três orçamentos.

Garcia diz que a demanda vem crescendo muito nos últimos cinco anos. Ele explica ainda que o sistema de gravação de imagens é muito seguro e hoje conta com backups online nas nuvens, que não te como ser levado pelos criminosos.

Ele diz que ter um sistema desse não evita e nem intimida os criminosos, porque quando eles querem agir, não será isso que vai impedir. No entanto, servem para investigação e elucidação dos crimes. Hoje, segundo Garcia, um bom sistema pode ser instalado com investimento a partir de R$ 1,5 mil.

Balanço das principais ocorrências

1º Distrito Policial
Furtos – 135
Lesão Corporal Culposa por Acidente de Trânsito – 80
Roubos – 10
Homicídio – 0
Lesão Corporal Dolosa – 25
Estupro – 0
Tráfico – 21

2º Distrito Policial
Furtos – 747
Lesão Corporal Culposa por Acidente de Trânsito – 462
Roubos – 86
Homicídio – 11
Lesão Corporal Dolosa – 289
Estupro – 18
Tráfico – 171

3º Distrito Policial
Furtos – 706
Lesão Corporal Culposa por Acidente de Trânsito – 241
Roubos – 78
Homicídio – 15
Lesão Corporal Dolosa – 263
Estupro – 21
Tráfico – 287

4º Distrito Policial
Furtos – 499
Lesão Corporal Culposa por Acidente de Trânsito – 197
Roubos – 51
Homicídio – 3
Lesão Corporal Dolosa – 113
Estupro – 18
Tráfico – 72

FONTE: DEPARTAMENTO DE POLÍCIA CIVIL, POLÍCIA MILITAR E SUPERINTENDÊNCIA DA POLÍCIA TÉCNICO-CIENTÍFICA

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!