Oi, o que você está procurando?

tiro na cabeça

Morre mulher baleada na cabeça pelo ex-namorado

No perfil de Vilma no facebook os amigos começaram a postar homenagens à moça, que morava no bairro Umuarama e deixou dois filhos pequenos , de um e três anos

Vilma da Silva Ramos, 20 anos, morreu nesta quarta-feira (2) na UTI da Santa Casa de Araçatuba, onde estava internada desde a madrugada do último dia 22, após ter sido baleada na cabeça. O namorado dela levou um tiro no ombro e outro de raspão na cabeça. Três acusados pelo crime, incluindo o ex-namorado de Vilma, estão presos.

No perfil de Vilma no facebook os amigos começaram a postar homenagens à moça, que morava no bairro Umuarama e deixou dois filhos pequenos , de um e três anos. Na madrugada do dia 22 ela estava com o namorado, um homem de 28 anos, dentro de um Gol, estacionado na rua Miguel Sanches Oliveira esquina com a rua Ângelo Brivio.

Um dos acusados já teve um relacionamento com a vítima com quem tem um filho, o mais novo. Eles já estavam separados e ambos tinham iniciado novo relacionamento. O homem teria se desentendido com a ex, pelo fato dela estar com outra pessoa.

Na madrugada do crime ele ficou sabendo que ela estava com outra pessoa no carro e foi até o local, onde chegou e começou a atirar. A mulher levou um tiro na cabeça e outro na coxa. Ela caiu perto do carro e o homem que a acompanhava fugiu e foi perseguido, sendo baleado próximo a um posto de combustíveis na rotatória da Baguaçu. Ele foi atingido no ombro e levou um tiro de raspão na cabeça, atrás da orelha.

Policiais militares levantaram a informação de quem eram os suspeitos, e que estariam em casa, no bairro Alvorada. Uma equipe foi ao local e encontrou o casal chegando de carro. Eles tentaram fugir mas foram abordados. A mulher negou os fatos e disse que estava em Birigui. Já o homem confessou o crime. Vilma foi socorrida em estado grave e o namorado dela, também foi socorrido e levado ao pronto-socorro da Santa Casa, mas com ferimentos de menor gravidade.

No carro da vítima, um Gol, a polícia encontrou embaixo do banco do motorista um simulacro de revólver, e embaixo do banco do passageiro, havia uma sacola plástica, com documentos, certa quantidade maconha e um pino com cocaína.

Terceiro preso

Um terceiro rapaz acusado de participar do crime foi preso na manhã de sexta-feira (27) no bairro Alvorada, zona sul de Araçatuba, por investigadoras da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher), no dia em que completava 18 anos. No dia anterior a Justiça havia expedido um mandado de apreensão, mas como completou 18 anos automaticamente foi prisão, e ele foi encaminhado à cadeia de Penápolis.

As investigadoras foram até a casa dele para cumprir também um mandado de busca e apreensão. Foram apreendidos na ação o telefone celular do jovem e um Monza vinho, um dos carros usados pelos criminosos no dia da tentativa de homicídio.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
ANUNCIANTE