Oi, o que você está procurando?

POLÍTICA

Prefeito eleito de Penápolis anuncia equipe de transição e secretariado

Caíque Rossi (PSD) mencionou alguns dos projetos de sua gestão

Caique Rossi
Caíque Rossi: “Nossa expectativa é que tudo ocorra de forma amigável”, afirmou - Foto: Ivan Ambrósio/Jornal Interior

O prefeito eleito de Penápolis, Caíque Rossi (PSD), comunicou os membros que comporão a equipe de transição e dois que farão parte do secretariado a partir de 1º de janeiro de 2021. O anúncio foi feito na manhã desta segunda-feira (23), na casa dele, acompanhado da vice, a médica Mirela Fink – também do PSD – e correligionários. Segundo ele, farão parte da transição Newton Geraissate, Thiago Casella, Thiago Mazucato e as servidoras Amabel Cristina Dezanetti dos Santos e Maria Emília Pereira de Souza.

“Protocolaremos os documentos nesta quarta-feira (25) para, assim, darmos início ao período de transição, que esperamos que ocorra tudo bem”, disse. Caíque destacou que já entrou em contato com o atual secretário de Planejamento, Daniel Rodrigueiro, para começar a conhecer a máquina pública. “Nossa expectativa é que tudo ocorra de forma amigável”, ressaltou.

Secretariado

Ainda durante a coletiva, Caíque anunciou dois nomes que comporão o “time” de secretários. São eles: Thiago Mazucato, que estará na secretaria de Governo. Ele é sociólogo, mestre em ciência política e doutor em ciências sociais. Já a servidora municipal Maria Emília Pereira de Souza, que foi secretária de Finanças nos governos do ex-prefeito João Luís dos Santos (PT) e do atual Célio de Oliveira (sem partido), retornará à pasta.

“São pessoas com uma grande experiência profissional. Nossa equipe será formada, em sua grande maioria, por pessoas técnicas. Outros nomes estão sendo avaliados e, em breve, esperamos ter nosso grupo formado para iniciarmos os trabalhos frente ao Executivo”, observou.

Questionado sobre quem estaria à frente da secretaria de Saúde, pasta que, nos últimos meses, se tornou alvo de investigação por parte do Ministério Público e da Polícia Civil e que resultou na Operação Raio X e na prisão de Wilson Carlos Braz, Caíque adiantou que a vice terá a incumbência de escolher o nome.

“Estamos conversando com uma equipe e o que podemos adiantar é que será uma pessoa totalmente técnica”, frisou Mirela. Ele adiantou que não está descartada a hipótese de unificação de algumas pastas e que reduzirá os cargos de confiança. “Algumas pessoas, que em gestões passadas ocuparam secretarias, poderão retornar, assim como outros que estão atuando. Cada nome estamos analisando com muita atenção e dedicação”, frisou.

Caíque ainda citou algumas das dificuldades que encontrará. “Sabemos que teremos alguns compromissos, como empréstimos feitos a pagar e, diante disso, atuaremos com muita maturidade e responsabilidade, assim como nas ações de combate à Covid-19, o novo coronavírus”, ressaltou.

Ele disse que dará continuidade às obras que estão em andamento e fará uma análise detalhada sobre os projetos aprovados pela atual administração, mas que ainda não foram iniciados. Entre as prioridades do novo governo, serão a geração de emprego e Saúde. “Pretendemos construir uma nova Incubadora de Empresas, além de proporcionar a abertura de novas vagas em creches e melhorias no ensino escolar”, enumerou.

Gabinete único

Caíque voltou a afirmar que fará uma gestão transparente e que combaterá a corrupção, fator bastante dito durante sua campanha ao Executivo. “Queremos aproximar a administração com o Ministério Público e usaremos mecanismos para inibir desvios. Seremos duros contra a corrupção e colocaremos em prática nosso projeto, sendo transparentes o mais possível para a nossa população”, disse. Ele ainda afirmou que não guarda mágoas e que não tem inimigos. “Não faremos ‘caça as bruxas’ em nosso governo”, garantiu.

Além disso, ele aproveitou para anunciar algumas mudanças que ocorrerão em sua administração. “A primeira delas será um gabinete único, onde eu e a nossa vice, Mirela, trabalharemos na mesma sala e com as portas abertas à população. Não haverá divisão e tenho absoluta certeza de que ela somará, e muito, em nosso governo”, revelou.

Outro ponto questionado durante a coletiva para Caíque foi a nova composição da Câmara. “Estou entusiasmado com essa renovação e os que conseguiram se reeleger e tenho certeza que a nossa relação com o Legislativo será a melhor possível”, ressaltou.

O prefeito eleito aproveitou para fazer um comunicado às empresas, fornecedores e profissionais que prestaram serviços para a Prefeitura, mas que ainda não receberam o pagamento. Segundo ele, essas pessoas devem procurar a atual administração e solicitar a emissão das notas de empenho, para que os valores sejam incluídos no orçamento do município.

Ele ainda agradeceu os votos e o carinho que vem recebendo da população. “Os penapolenses poderão esperar um prefeito, uma vice e seus secretários trabalhando com afinco e com um único objetivo: melhorar, cada vez mais, nossa cidade e a qualidade de vida de todos”, finalizou.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
error: Conteúdo Protegido!
28