Oi, o que você está procurando?

LUTO

Ex-deputado federal, José Egreja morre aos 92 anos, em Penápolis

Ele, que residia na Fazenda Campestre, em Penápolis, foi diretor da extinta Usina Campestre

Morreu nesta segunda-feira (30), em Penápolis, aos 92 anos, José Silvestre Viana Egreja, o José Egreja, como era conhecido. Agricultor e usineiro, foi diretor da extinta Usina Campestre que, por muitos anos, foi uma das principais empresas da cidade.

Segundo o que foi apurado, ele sofria problemas pulmonares há mais de um ano. Casado com Célia Penteado Egreja, teve quatro filhos.

José Egreja nasceu em Timburi (a 283 km de Penápolis) em 26 de maio de 1928. Realizou os estudos universitários entre 1948 e 1952 na USP (Universidade de São Paulo), graduando-se em arquitetura, profissão que nunca chegaria a exercer.

Política

Começou sua atividade política em novembro de 1986, quando elegeu-se deputado federal pelo PTB. Empossado em fevereiro do ano seguinte, quando tiveram início os trabalhos da ANC (Assembleia Nacional Constituinte), foi membro titular da Subcomissão da Política Agrícola e Fundiária e da Reforma Agrária, bem como da Comissão da Ordem Econômica e suplente da Subcomissão dos Direitos Políticos, dos Direitos Coletivos e Garantias, da Comissão da Soberania e dos Direitos e Garantias do Homem e da Mulher.

Após a promulgação da nova Constituição, em 5 de outubro de 1988, voltou a participar dos trabalhos legislativos ordinários na Câmara dos Deputados, deixando-a ao final da legislatura, em janeiro de 1991, não tendo se candidatado à reeleição em outubro do ano anterior.

No mesmo mês, só que de 1994, candidatou-se mais uma vez à Câmara, novamente pelo PTB, obtendo apenas uma suplência.

O corpo de José Egreja será velado no Bom Pastor Memorial e o sepultamento acontecerá nesta terça-feira (30), em horário a ser definido pelos familiares.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!