Oi, o que você está procurando?

Sorocaba (SP)

Comerciante que matou três ladrões em loja teve o pai assassinado durante assalto

Dono de loja reagiu a roubo e baleou trio. Caso aconteceu em Sorocaba, interior de São Paulo. Empresário foi ouvido pela investigação e alegou legítima defesa.

O dono de loja que atirou e matou três criminosos durante um assalto em Sorocaba (SP) afirmou à polícia que agiu em legítima defesa e que não conhecia o trio. Na delegacia, o comerciante também contou à polícia que teve o pai assassinado durante um assalto.

A ocorrência da morte do trio que tentou assaltar a loja de roupas no Jardim São Guilherme, zona norte da cidade, foi registrada na quarta-feira (7). A polícia ainda aguarda laudos e irá ouvir testemunhas para finalizar o inquérito.

De acordo com a investigação, os três homens entraram no comércio por volta das 11h e ficaram alguns minutos conversando com o comerciante, quando anunciaram o assalto (vídeo mais abaixo).

As câmeras de segurança do local registraram o momento em que um dos bandidos sacou a arma e apontou para o dono da loja, que também pegou uma arma da cintura. Houve troca de tiros e os três criminosos foram baleados.

No vídeo das câmeras de segurança é possível ver o momento do tiroteio. Uma porta de vidro de um armário ficou destruída. Depois que os três homens já estavam no chão, o comerciante atirou mais algumas vezes, deu um chute e pegou a arma que um deles usava.

De acordo com o delegado Acácio Leite, responsável pelo caso, o revólver do empresário estava com a numeração raspada e ele alegou que estava em processo de regularizar o porte (leia mais abaixo).

Grupo simulou compras

O empresário disse ao delegado que estava trabalhando quando o grupo chegou no local e simulou que queria fazer compras.

“Justificou a sua reação nos fatos de que já aconteceram outros roubos, inclusive o pai dele veio a ser vítima de roubo e faleceu naquele mesmo local e situação”, informou o delegado.

Armas

Ainda de acordo com o delegado, as armas dos criminosos e do comerciante foram recuperadas em um matagal. Segundo a polícia, o revólver do empresário estava com a numeração raspada e ele alegou que estava em processo de regularizar o porte.

A polícia também informou que já identificou os três rapazes mortos. Eles são: um homem de 32 anos com passagens pela polícia por receptação e que já esteve preso; um homem de 30 anos que também esteve preso por roubo; e um jovem de 20 anos sem passagem.

Segundo a polícia, a perícia vai analisar as imagens da câmera de segurança. O caso foi registrado como tentativa de roubo seguido de homicídio.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!