Oi, o que você está procurando?

SAÚDE PÚBLICA

Araçatuba chega a 2.094 casos de dengue e ultrapassa os 700 acidentes com escorpiões

Araçatuba registrou, até essa sexta-feira (17), 2.094 casos de dengue, o que significa que foram confirmados 68 novos pacientes com a doença nos últimos sete dias. Na última atualização do boletim da Vigilância Epidemiológica, enviada no 10 de julho, o município estava com 2.026 confirmações.

No ano passado, o município também viveu uma epidemia da doença, com 7.589 casos positivos de dengue de janeiro a dezembro, segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde.

A melhor forma de prevenção da dengue é evitar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti,
eliminando água armazenada em recipientes que podem se tornar possíveis criadouros, como vasos
de plantas, pneus, garrafas plásticas, piscinas sem uso e sem manutenção, e até mesmo em recipientes pequenos, como tampas de garrafas.

SINTOMAS

Os principais sintomas são febre alta, dores musculares intensas, dor ao movimentar os olhos, mal-estar, falta de apetite, dor de cabeça e manchas vermelhas no corpo. No entanto, a infecção por dengue pode ser assintomática (sem sintomas), leve ou grave. Neste último caso pode levar até a morte.

Normalmente, a primeira manifestação da dengue é a febre alta (39˚ a 40˚C), de início abrupto, que geralmente dura de 2 a 7 dias, acompanhada de dor de cabeça, dores no corpo e articulações, além de prostração, fraqueza, dor atrás dos olhos, erupção e coceira na pele. Perda de peso, náuseas e vômitos são comuns. Em alguns casos também apresenta manchas vermelhas na pele.

ESCORPIÕES

Até esta sexta (17), o município registrou 717 acidentes com escorpião, sendo 45 nos últimos sete dias. Isto equivale a 3,6 incidentes por dia com o aracnídeo, levando-se em conta que as estatísticas foram calculadas em 199 dias do ano, até esta sexta-feira.

 

 

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
41