Oi, o que você está procurando?

Tráfico e tortura

Operação da Polícia Civil prende três pessoas e apreende celular e notebook de PM em Guararapes

Dois homens de Guararapes e um de Araçatuba foram presos na manhã desta quarta-feira (17) durante uma operação da Polícia Civil em investigação sobre o tráfico de drogas. Um mandado de busca também foi cumprido na casa de um policial militar que mora em Guararapes, e recentemente foi acusado de ajudar um traficante a torturar um jovem de 18 anos, que afirmou ter tido um cabo de vassoura introduzido no ânus.

A operação foi desencadeada por policiais civis de Guararapes com apoio de policiais de Valparaíso e do GOE / Deic (Delegacia Especializada em Investigaçoes Criminais) de Araçatuba.

Em Guararapes os policiais de Guararapes e Valparaíso cumpriram dois mandados de prisão temporária contra um homem identificado pelas iniciais E.M.S.F., de 25 anos, morador no bairro Industrial e outro de 40 anos, identificado pelas iniciais F.B.O., morador no Jardim Cinquentenário.

F.B.O. também foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e maus tratos de animais. Com ele foram encontrados e apreendidos 33 pinos contendo cocaína, R$ 705, celular e anotações da contabilidade do tráfico, além de dezenas de galos de briga, alguns machucados.

As polícias Ambiental e Científica foram acionadas. Ainda em Guararapes, dentro da mesma investigação, foi cumprido busca na casa de um policial militar que trabalha na região, onde houve apreensão de um celular e notebook. Este policial foi acusado de participar da tortura contra um rapaz de 18 anos, no último dia 9, conforme matéria publicada no Regional Press (leia no link abaixo).

Em Araçatuba, foi cumprido um mandado de prisão contra um homem de 25 anos identificado pelas iniciais A.M.S., morador em um condomínio de apartamentos localizado na rua Aviação, acusado de tráfico. O celular dele também foi apreendido.

Leia também:

Rapaz é torturado por traficante com cabo de vassoura no ânus, em Guararapes

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!