Oi, o que você está procurando?

PANDEMIA

Com 39% de isolamento, Araçatuba está na faixa vermelha do sistema de monitoramento

Sistema de Monitoramento Inteligente

Cerca de 30 jovens caçavam Pokémon na noite de quarta-feira (24), na Praça do Cristo, na Aguapeí

Com isolamento social de 39%, Araçatuba está na faixa vermelha do Sistema de Monitoramento Inteligente do Governo do Estado de São Paulo, conforme dados dessa quinta-feira (25).

O sistema estabelece faixa vermelha para os municípios com isolamento de até 40%; faixa laranja para os que apresentam índice acima de 40%, que é o caso de Birigui; e amarela para os que têm acima de 50% de pessoas em casa. Nesta condição, estão Cruzeiro e as cidades litorâneas de São Sebastião e Ubatuba.

Os municípios na faixa vermelha do isolamento correm o risco de ter novamente o comércio e os serviços considerados não essenciais proibidos de funcionar para evitar a proliferação do novo coronavírus.

O isolamento é um dos indicadores que determinam o avanço ou a regressão de fase no chamado Plano São Paulo, de retomada da economia. São levados em consideração, ainda, o número de leitos disponíveis na região e a respectiva ocupação, além da quantidade de casos positivos e de óbitos.

FASE

Araçatuba está, hoje, na fase laranja do Plano São Paulo, que permite o funcionamento do comércio, shoppings, escritórios, imobiliárias e concessionárias. No entanto, registrou, de segunda até essa quinta-feira (25), 138 casos positivos de covid-19 e duas mortes pela doença, totalizando 15 óbitos, a maioria de idosos.

Nesta sexta-feira (26), o governador João Doria (PSDB) vai anunciar se a região de Araçatuba terá condições de se manter na fase laranja, avançar ou regredir para a vermelha. Caso avance, outros setores da economia poderão voltar a funcionar, como bares, restaurantes, salões de beleza e barbearias. Se regredir, apenas os serviços essenciais, como supermercados e farmácias, estarão autorizados a abrir.

MOVIMENTAÇÃO

Pelas ruas da cidade, é possível observar pessoas sem máscara ou fazendo uso incorreto do equipamento de proteção. A movimentação de pessoas em praças e avenidas também é grande. Na Getúlio Vargas, região central da cidade, por exemplo, há muita gente fazendo caminhada e atividades esportivas, principalmente no final de tarde.

Partida de futebol em campo na Saldanha Marinho: jogadores sem máscara

O mesmo acontece na avenida Abraão Buchalla, no Concórdia, na Pompeu de Toledo, nas vias próximas ao Delta Park e ao recinto de exposições Clibas de Almeida Prado.

Na noite de quarta-feira (24), havia muitos jovens caçando Pokémon na Praça do Cristo, na Aguapeí. Em um campo na rua Saldanha Marinho, a partida de futebol corria solta, com atletas sem máscaras e, na Praça do Skate, no Jardim Dona Amélia, vários adolescentes estavam reunidos, também sem o equipamento de proteção.

BIRIGUI

Em Birigui, a situação está um pouco melhor em relação a Araçatuba. O município está na faixa laranja do Sistema de Monitoramento Inteligente.

O prefeito de Birigui, Cristiano Salmeirão (PTB), lembrou que a pandemia da covid-19 continua e fez um apelo aos moradores.

“Caso o isolamento social chegue a 40%, teremos que fechar as portas das atividades do comércio e serviços. Faço um apelo aos moradores de Birigui: fiquem em casa e mantenham suas rotinas de higiene”, frisou o chefe do Executivo.

Salmeirão alertou que os números de casos positivos de covid-19 aumentaram nos últimos dias. Na última quinta-feira, dia 18 de junho, a cidade tinha 129 casos positivos. Em uma semana, houve aumento de 64 casos, já que nesta quinta (dia 25) são 193 casos positivos.

Dia 18 eram três óbitos por covid. Neste dia 25 são oito óbitos. “Em uma semana tivemos o aumento de cinco óbitos. Temos que unir forças e ajudar nesta guerra contra a covid-19”, alertou o prefeito.

“Para Birigui ficar na faixa laranja, temos que fazer o isolamento social. Quem sair, use máscara de proteção facial e não leve parentes no mercado, farmácia, comércio e afins”, completou Salmeirão.

SIMI-SP

O SIMI-SP (Sistema de Monitoramento Inteligente de São Paulo) é viabilizado por meio de acordo com as operadoras de telefonia Vivo, Claro, Oi e TIM, através da ABR (Associação Brasileira de Recursos em Telecomunicações) e do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas), para que o Estado possa consultar informações agregadas e anônimas sobre deslocamento nos municípios paulistas mapeados.

Para saber sobre o monitoramento dos municípios, basta acessar o site do Sistema de Inteligência:

https://www.saopaulo.sp.gov.br/coronavirus/isolamento

 

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!