Oi, o que você está procurando?

PANDEMIA

Braúna vive surto de casos positivos de coronavírus

Quantidade aumentou 45% em 24 horas, passando de 11 para 16

Em Braúna, Prefeitura criou barreiras sanitárias para combater o coronavírus Foto: Divulgação

Com pouco mais de cinco mil habitantes, Braúna viu crescer a quantidade de casos positivos de covid-19, o que vem preocupando as autoridades. Nas últimas 24 horas, o número aumentou 45%, passando de 11 para 16.

Segundo o que a reportagem apurou, boa parte dos pacientes seriam profissionais da saúde que prestam atendimento na UBS (Unidade Básica de Saúde) do município. Diante disso, o atendimento até foi reduzido das 7h às 13h. O espaço, assim como o Paço Municipal e a Odonto passaram por desinfecção.

Além dos casos positivos, foram notificadas 80 pessoas com a suspeita do vírus. Destas, duas aguardam resultado, uma está curada e 62 foram descartadas. Em entrevista ao Avanews, o prefeito Flávio Giussani (DEM) se mostrou bastante preocupado com o cenário.

“Criamos barreiras sanitárias na cidade e estamos tomando todos os cuidados para evitar a propagação. Diariamente, fazemos testes em várias pessoas, mas a questão é que nem todos colaboram, fazendo aglomerações em sítios, fazendas e ranchos”, disse.

Ele ainda acrescentou que, se cada um não fizer a sua parte no combate ao vírus, o controle da fiscalização se torna bem difícil. “Há pessoas de Braúna que trabalham em outras cidades da região, onde o foco está maior, o que pode ocorrer do vírus ter vindo para cá deste modo. Vamos torcer para que a situação seja controlada e que o coronavírus se afaste da nossa região o mais rápido possível”, finalizou.

O chefe do Executivo já decretou estado de calamidade público e chegou a suspender as atividades no prédio da Prefeitura Municipal, dispensando os funcionários para ficarem em suas casas.

MICRORREGIÃO

Glicério registrou a primeira morte por covid-19. O paciente, um homem de 64 anos, estava internado no Hospital de Campanha de Penápolis. A esposa e a sogra, que também testaram positivo para o vírus, seguem em isolamento domiciliar, sendo monitoradas pela pasta. Há ainda seis casos suspeitos que aguardam resultados dos exames laboratoriais.

Alto Alegre também registrou mais um caso, chegando a três positivos e um óbito. A prefeita Helena Berto (PSDB) informou, em vídeo publicado nas redes sociais, que a fiscalização será intensificada. Avanhandava que, agora, contabiliza quatro positivos, tendo dois recuperados, um internado e outro em isolamento. Barbosa tem três e Luiziânia apenas um.

PENÁPOLIS

Os casos positivos da covid-19, o novo coronavírus, aumentaram de 30 para 34 em Penápolis em um intervalo de 24 horas. Boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde informa que, do total, um paciente está internado, 15 permanecem em quarentena e 14 estão recuperados. Vinte são mulheres e 14 homens.

Quatro óbitos foram registrados no município em decorrência do vírus e outras sete mortes que estavam em investigação foram negativadas. Até o momento, foram notificados oficialmente 109 casos suspeitos de coronavírus. Do total, sete aguardam resultado de exame laboratorial e outros 72 foram descartados.

No Hospital de Campanha, há quatro leitos vagos na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Os demais estão ocupados por pacientes de Avanhandava, Birigui, Bilac e Promissão. Já dos 20 de enfermaria, oito estão ocupados por pessoas de Penápolis, Alto Alegre, Avanhandava, Birigui e Braúna. Doze unidades estão disponíveis.

Duas pessoas, residentes em cidades da região, receberam alta ontem da unidade. Um corredor, formado pelos profissionais de saúde aplaudiu os pacientes na saída do Centro de Referência da Covid. Não há nenhum suspeito ou confirmado internado na Santa Casa.


Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!