Oi, o que você está procurando?

SAÚDE PÚBLICA

Cresce em 85,5% o número de casos de dengue em Guararapes

O número de casos confirmados de dengue em Guararapes aumentou 85,5% em uma semana, passando de 138 para 256 infectados pelo mosquito Aedes aegypti nos primeiros 24 dias de 2020. O balanço foi divulgado pela Vigilância Epidemiológica do município nesta sexta-feira (24). A Prefeitura ainda não considera epidemia.

Na luta contra o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, a Prefeitura, por meio do Departamento de Saúde, está criando ações estratégicas de combate à doença, mobilizando toda a população e despertando a consciência sobre a importância de intensificar esse trabalho, ainda mais no período de chuva e altas temperaturas.

Nesta semana, além do horário normal de trabalho, os agentes de endemias e agentes comunitários fizeram as vistorias nas residências em um horário estendido, com o objetivo de reduzir a incidência de imóveis fechados durante as visitas rotineiras. “Existe uma grande quantidade de domicílios visitados que os agentes não conseguem ter acesso porque nenhum morador está presente”, explica a chefe de seção da VISA e Zoonoses, Carla Pitori.

Ao todo, 30 profissionais participaram desta ação para identificar os criadouros, eliminá-los mecanicamente e orientar o morador para deixar a casa livre de qualquer possibilidade de reprodução do mosquito. Além disso, a Vigilância Sanitária está fazendo as notificações em locais com larvas, Se houver reincidência, o morador será multado. O valor da multa é de R$ 346,87 reais.

SALA DE HIDRATAÇÃO

Nas Unidades Básicas de Saúde: Dr. Norman Storto (Postão), Dr. Akira Motomatsu e Antônio Simões foram montadas salas de hidratação para atender os pacientes com dengue. As pessoas que procurarem uma das UBS’s, apresentando sintomas da doença, serão encaminhados para a sala de hidratação.

Segundo a diretora do Departamento de Saúde, Maria Cristina Galhardo, o município está abastecido com medicações e equipamentos necessários. Essa é uma das medidas preventivas contra a dengue que o município realiza, ressaltando que o paciente ao sentir febre, dores no corpo, de cabeça e articulações procure a Unidade de Saúde mais próxima para iniciar o tratamento.

TERRENOS

Com o grande número de terrenos com mato alto, tanto particular quanto público, o prefeito Tarek Dargham autorizou a contratação de uma empresa para a realização de serviços de manutenção e conservação da limpeza urbana.

A prefeitura já está aplicando, por meio dos fiscais de postura, autos de infração para aqueles contribuintes que não realizarem a limpeza de seus terrenos. Constando a irregularidade, o proprietário do terreno é notificado e tem o prazo de cinco dias, determinado por lei, a contar da data de recebimento, para realizar a limpeza, caso contrário, a Prefeitura realiza a limpeza e o dono do terreno sujo tem de arcar com os custos no valor de R$ 2,08 o metro quadrado, além da multa de R$ 173,43 por lote e elevada o dobro no caso de reincidência.

MIRANDÓPOLIS

A Prefeitura e o Departamento de Saúde de Mirandópolis lançam, a partir de segunda-feira (27), o “Polo da Dengue”, localizado no Centro de Saúde, UBS Dr. Yoshito Kanzawa. O local irá realizar atendimento médico aos pacientes com suspeita da doença, coletando sangue para hemograma e oferecendo hidratação oral e venosa, além de orientações e notificações. A cidade possui 4 casos positivos da doença em 2020.

Araçatuba tem 36 casos positivos da doença em 2020

O município de Araçatuba registrou, nos primeiros 24 dias deste ano, 36 casos positivos de dengue na cidade. O balanço foi divulgado ontem (24), pela Vigilância Epidemiológica da cidade.

Ainda, de acordo com a VE, dois casos foram importados de Itanhaém e Guararapes. Dos 36 casos registrados, 22 foram em pessoas do sexo masculino e 14 do sexo feminino.

Entre os confirmados, estão uma criança de 2 anos e uma idosa de 77 anos, ambas do sexo feminino.

ESCORPIÃO

A cidade também divulgou o número de acidentes com escorpião. Do dia 1ª ao dia 24, foram 89 casos notificados. Em 2019, Araçatuba registrou mais de 1.000 acidentes.

Para evitar que ocorram esses acidentes, a Prefeitura orienta que os moradores deixem suas casas e quintais limpos.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!