Fique Ligado!

Oi, o que você está procurando?

SAÚDE PÚBLICA

Araçatuba tem 11 casos confirmados de sarampo

Araçatuba registrou quatro casos de sarampo em novembro. Com as novas confirmações, o município, que vive um surto da doença, já soma 11 casos este ano, segundo a última atualização da Vigilância Epidemiológica, divulgada nesta sexta-feira (8).

Os últimos pacientes que contraíram a doença são um menino de seis anos, morador no São José; um menino de dois anos, residente no Umuarama; uma mulher de 25 anos, que reside no Alvorada; e uma mulher de 53 anos que mora no Iporã.

Os casos de sarampo na cidade foram confirmados por meio de exames no Laboratório Adolfo Lutz. Após as confirmações, a equipe da Atenção Básica é acionada e faz o bloqueio nas imediações das residências dos doentes.

O bloqueio consiste em aplicar a vacina tríplice viral, que protege contra sarampo, caxumba e rubéola, em todos os moradores das proximidades, para evitar a propagação do vírus da doença.

O primeiro caso de sarampo em Araçatuba foi importado e confirmado no dia dois de agosto, em um rapaz de 20 anos, natural de Santos, que visitou familiares em Araçatuba nas férias de julho.

Dos 11 casos confirmados na cidade, três são em pacientes com idades entre seis meses e 53 anos de idade, que moram no Jardim TV, dois no São José, e um no Icaraí, Parque Industrial, Atlântico, Umuarama, Alvorada e Iporã. (Veja abaixo a relação dos pacientes e suas respectivas idades e bairros)

O sarampo é uma doença altamente contagiosa que estava erradicada no País, mas, desde o ano passado, casos voltaram a aparecer em algumas regiões. Inicialmente, o surto aconteceu nos estados de Amazonas e Roraima. No estado de São Paulo, os casos passam dos 8,6 mil, com 14 óbitos.

DADOS DO SARAMPO EM ARAÇATUBA

Anunciante

N°CASOS    SEXO      IDADE              BAIRRO

Leia também:   Câmara de Araçatuba analisa mudanças na lei que trata de autorizações para corte de árvores

1                       F           18 anos              Icaray
2                       M          29 anos              Parque Industrial
3                       M          12 anos              Atlântico
4                       F           01 ano               Jardim TV
5                       F           02 anos             Jardim TV
6                       F           6 meses            Jardim TV
7                       F           01 ano               São José
8                       M          6 anos               São José
9                       M          02 anos             Umuarama
10                     F           25 anos             Alvorada

11                     F           53 anos              Iporã

Leia também:   Pesquisadores investigam mecanismos que desencadeiam fase inflamatória da covid-19

Fonte: Vigilância Epidemiológica

 

QUEM DEVE TOMAR A VACINA?

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, Araçatuba tem vacina em todas as Unidades Básicas de Saúde. Quem não tem certeza se já tomou a vacina, ou não tem a carteirinha vacinal, deve procurar uma unidade de Saúde.

A Secretaria de Estado da Saúde orienta os pais e responsáveis a imunizar as crianças de seis meses a menores de um ano com a vacina tríplice viral, que protege contra o sarampo, caxumba e rubéola.

Anunciante

A estratégia foi definida com o Ministério da Saúde, para prevenir o público infantil, considerando a vulnerabilidade de casos graves e óbitos nessa faixa etária, que representa cerca de 13% do total de casos registrados no Estado de São Paulo.

A aplicação da chamada “dose zero” visa proteger as crianças e não será contabilizada no calendário nacional de vacinação da criança, ou seja, os pais ou responsáveis também deverão levar as crianças aos postos para receber a tríplice viral aos 12 meses e também aos 15 meses, para aplicação do reforço com a tetraviral, que protege também contra a varicela.

Após a aplicação da “dose zero”, é preciso aguardar pelo menos 30 dias para aplicação da tríplice aos 12 meses, como prevê o calendário.

CAMPANHA

Entre 18 e 30 de novembro, acontecerá a segunda fase da campanha de vacinação contra o sarampo, desta vez, focada em jovens de 20 a 29 anos. Esse grupo poderá receber a dose da tríplice ou da dupla viral (sarampo e rubéola), conforme a indicação do profissional de saúde.

A primeira fase ocorreu entre os dias 7 e 25 de outubro e imunizou cerca de 400 mil crianças na faixa de 6 meses a menores de cinco anos de idade.

Leia também:   Consumidor pode relatar falta de produtos e preços abusivos nos estabelecimentos

A vacina é contraindicada também para pessoas imunodeprimidas e gestantes. Pessoas nascidas antes de 1960, na sua maioria, já tiveram a doença na infância e possuem imunidade (proteção) por toda a vida, não necessitando ser vacinadas, conforme diretriz do Ministério da Saúde.

As pessoas que tiverem dúvidas quanto à imunização adequada devem procurar um posto, com a carteira vacinal em mãos, para que um profissional de saúde verifique a necessidade de aplicação, que ocorrerá de forma “seletiva”, ou seja, apenas em quem tiver alguma pendência.

Anunciante

Veja abaixo quem deve ser imunizado:

Crianças com 1 ano: devem tomar a 1ª dose regular;
Crianças com 1 ano e 3 meses: devem tomar a 2ª dose regular;
Pessoas de 1 a 29 anos: devem ter tomado duas doses de vacina.
Adultos de 30 a 59 anos: devem ter tomado pelo menos uma dose.

 

SINTOMAS VÃO DESDE FEBRE A MANCHAS AVERMELHADAS NA PELE 

Os sintomas do sarampo são febre acompanhada de tosse persistente, irritação ocular, coriza e mal-estar intenso. Logo depois, manchas avermelhadas começam a aparecer no rosto e progridem para os pés.
Se perceber algum dos sintomas, a pessoa deve utilizar máscara higiênica para proteção e evitar circular em locais de grande fluxo de pessoas. A vacina é a melhor forma de evitar a doença, que pode ser grave, especialmente se o paciente estiver debilitado.

O sarampo é uma doença potencialmente grave. Em gestantes, pode provocar aborto ou parto prematuro. Em casos de complicação da doença, pode deixar sequelas como otites, infecções respiratórias, doenças neurológicas, surdez, cegueira, retardo de crescimento e redução da capacidade mental.

 

 

Anunciante
Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!

Mais lidas – 24H



CRIMINALIDADE

A madrugada deste domingo (24) foi bastante violenta em Birigui, com dois homicídios e uma tentativa, em diferentes regiões da cidade. Não se sabe...

Final Feliz

Policias militares do helicóptero Águia encontraram na manhã deste domingo (24), o eletricista aposentado Ricardo Podavini Bono, 44 anos, que estava desaparecido em Araçatuba...

HOMICÍDIO

Um homem de 26 anos foi morto a tiros no Jardim Vista Alegre, em Birigui, na madrugada deste domingo. O crime ocorreu na rua...

TENSÃO

Autoridades da China disseram neste domingo, 24, que as relações com os Estados Unidos estão “à beira de uma nova Guerra Fria” e que...

pandemia

O estado de São Paulo registra, neste domingo (24), 6.163 mortes pelo novo coronavírus, com 118 óbitos confirmados nas últimas 24 horas. Também já...

trafico

Um falso carro de reportagem da TV Record foi apreendido neste sábado (23/05), em Pinhão, município do interior do Paraná. O veículo transportava 462...

A partir de junho

A partir de junho, as agências dos Correios serão uma opção para quem quer fazer o cadastro para receber o auxílio emergencial do governo,...

POLÍTICA

O presidente Jair Bolsonaro foi a pé ao encontro de apoiadores neste domingo, 24, em Brasília, após sobrevoar uma carreata pró-governo na capital federal....

SOLIDARIEDADE

A dupla Luiz Henrique & Léo vai realizar neste domingo (24), às 15h, a segunda live show para levar entretenimento e música boa durante...

benefício

A partir de junho, as agências dos Correios serão uma opção para quem quer fazer o cadastro para receber o auxílio emergencial do governo, benefício...

Bem Estar

O café é uma das bebidas mais apreciadas em todo o mundo. Ajuda a estimular a atenção, a concentração e a memória e ainda...

acidente fatal

Um menino de 9 anos matou a irmã mais nova, de 7 anos, com uma arma artesanal do avô em Mariluz (PR) na tarde...

Anunciante
Anunciante
Anunciante