CONECTE CONOSCO

homicidio

Irmãos matam homem a facadas em Guararapes

Publicado em

Foto: Reprodução - Guararapes Sorriso News


Um homem foi preso em flagrante e seu irmão está sendo procurado acusados pelo assassinato de Edson Fernandes Leme de Paulo, de 36 anos, na madrugada desta quarta-feira, na rua Tiradentes, em Guararapes. O corpo da vítima foi encontrado por populares caído no meio da rua e a PM foi avisada, conseguindo localizar, por meio dos rastros de sangue, um dos autores do crime.

Policiais militares foram avisados por uma pessoa que passava de carro, que havia um corpo caído na rua Tiradentes. Eles foram até o local indicado e encontraram a vítima caída, toda ensanguentada e com sete perfurações pelo corpo, mais precisamente nas costas.

No local não havia testemunhas e aos poucos vizinhos começaram a aparecer na rua ao verem a movimentação policial. Nenhum dos vizinhos teria presenciado o crime e uma pessoa que passava pelo local que identificou a vítima.

No local havia um chinelo de cor azul. A bicicleta da vítima foi entregue para seu irmão. Já o chinelo e a camiseta foram apreendidos pela equipe da polícia técnico-científica que compareceu ao local e realizou os exames de praxe.

Havia diversas manchas de sangue no local, sendo que enquanto os policiais preservavam o corpo, o policial civil Antônio e a autoridade policial Dr. Juliano Albuquerque, seguiram as manchas de sangue que estavam no chão e chegaram a uma residência localizada na rua Tiradentes.

Os policiais civis solicitaram apoio para entrar na residência e visualizaram diversas manchas de sangue por todo o local. Havia uma edícula com a porta encostada, onde os policiais chamaram os moradores, porém ninguém atendeu.

Como havia manchas de sangue na porta de entrada, um dos policiais militares adentrou na edícula e em um quarto localizou o suspeito, A.P.S., 26 anos, que estava com a mão direita cortada toda ensanguentada. Indagado sobre o crime ele confessou a autoria, alegando que agiu em legítima defesa.

Ainda na residência, os policiais localizaram um pé do chinelo da cor azul manchado de sangue aparentando ser o par de chinelos encontrado ao lado do cadáver e um aparelho de telefone celular que estava sobre a cama em que o autor estava deitado.

Os peritos criminais realizaram a apreensão do chinelo localizado na residência e os policiais civis realizaram a apreensão do aparelho celular. O suspeito recebeu voz de prisão em flagrante, foi conduzido até o pronto-socorro e depois ficou detido.

Ele foi apresentado na delegacia de polícia onde, questionado sobre o aparelho celular e o chinelo, confessou que os mesmos pertenciam ao seu irmão, um cabeleireiro de 23 anos, e que este ajudou matar a vítima.

O corpo da vítima foi conduzido para IML de Araçatuba pelo o agente funerário Diego Ferreira para exame necroscópico. (Com informações: Josiane Lorensette)

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Anunciante

Pedofilia

Justiça mantém preso professor de religião suspeito de estupro no interior de SP

Publicado em

A Justiça decretou a prisão preventiva do professor de religião Marcos Bueno Ribeiro, de 41 anos. Ele é suspeito de abusar sexualmente de nove crianças em Amparo (SP). As informações são do G1.

Marcos trabalhava com a evangelização de crianças e adolescentes na 1ª Igreja Batista de Amparo. Depois de as denúncias virem à tona, nove vítimas o identificaram como o autor dos crimes.

O professor estava preso temporariamente desde 20 de setembro – o prazo para ficar detido acabaria nesse sábado (19). Ele responde pelo crime de estupro de vulnerável.

O suspeito começou a trabalhar na igreja em 2002, mas teria iniciado os abusos nos últimos três anos. As vítimas eram meninas de 8 a 12 anos de idade, pois, segundo ele, não entendiam o que estava ocorrendo.

À polícia, o professor contou que os crimes ocorriam “sempre que tinha a oportunidade de ficar sozinho” com as meninas, contou a delegada Leise Silva Neves.

“Ele disse que abusava dessas crianças porque elas não tinham conhecimento, então elas não iriam delatar às famílias o que ele fez”, completou.

Marcos Ribeiro está em uma unidade prisional de Sorocaba (SP), onde ficam condenados e suspeitos de crimes sexuais enviados pela Secretaria de Administração Penitenciária (SAP).

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

Urgente

Morre rapaz de 18 anos baleado no peito e na cabeça em Araçatuba

Publicado em

PM no local do crime, na rua Emília Santos, em Araçatuba (Foto: Silvio Romeiro/ Araçatuba Acontece)

Leonardo Henrique Silva Daora, o Leozinho, 18 anos, morreu na Santa Casa de Araçatuba, na tarde deste domingo (20). Ele havia sido baleado horas antes no bairro Rosele. A polícia procura envolvidos no homicídio. O crime ocorreu na Rua Emília Santos, na calçada da casa da vítima.

De acordo com as primeiras informações, o jovem teria sido atingido por pelo menos cinco tiros, no peito e a cabeça. O atirador chegou em uma moto e estava de capacete.

A vítima estava no quintal de casa mexendo em uma motocicleta. O acusado perguntou a um parente onde estava o Leonardo.

Ao ver o atirado, a vítima saiu correndo para fora de casa e foi baleada na calçada. Após atirar contra a vítima, fugiu em alta velocidade.

Mesmo ferido, o rapaz saiu correndo e tentou se abrigar na casa de um vizinho, onde caiu. Ele foi socorrido em estado gravíssimo pela viatura de resgate do Corpo de Bombeiros. O óbito foi constatado na Santa Casa.

Segundo o que foi apurado no local, uma das hipóteses é acerto de contas do tráfico. O corpo da vítima foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para exame necroscópico.

DENÚNCIA

Informações sobre envolvidos no crime podem ser passadas à polícia por meio dos telefones 190 e 197. O denunciante não precisa se identificar.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
80