CONECTE CONOSCO

fim de semana

Penitenciárias registram dezenas de visitantes tentando entrar com ilícitos aos finais de semana

Na PIII de Lavínia, agentes interceptaram 67 cigarros recheados com maconha e 02 celulares dentro de bolo de tapioca

Publicado em

Mulher tentava entrar com micro celular na vagina


Nos dias 15 e 16 de junho,estabelecimentos prisionais subordinados a Coordenadoria de Unidades Prisionais da Região Oeste do Estado (Croeste) registraram tentativas frustradas de inserção de objetos ilícitos nos presídios e que foram barrados durante os procedimentos de revista. Vale lembrar que os visitantes flagrados são excluídos do rol de visitas e levados à Delegacia de Polícia Civil mais próxima, sem prejuízo de responderem na esfera criminal. Também é instaurado Procedimento Disciplinar para apurar a cumplicidade dos presos que receberiam os materiais podendo, ainda, ser instaurados Procedimentos de Apuração Preliminar para apurar supostas responsabilidades funcionais.

DOMINGO (15/06/19)
PENITENCIÁRIA DE VALPARAÍSO
Durante os procedimentos de revista com equipamento Body Scanner agentes constataram que havia um objeto suspeito na região do quadril da companheira de um sentenciado que,indagada, confessou que estava com um invólucro introduzido nas partes íntimas. Ao retirar no banheiro o objeto, agentes puderam constatar que dentro dele havia 01 (um) aparelho celular. Foram tomadas todas as medidas administrativas e a mulher suspensa do rol de visitas.

PENITENCIÁRIA DE LUCÉLIA
Duas mulheres foram barradas na entrada da unidade prisional quando tentavam levar para dentro do estabelecimento vasilhas plásticas com alimentação contendo, cada qual, 04 (quatro) invólucros com erva esverdeada aparentando maconha. Elas foram suspensas do rol de visitas e conduzidas à Delegacia de Polícia e os sentenciados encaminhados ao Pavilhão Disciplinar onde aguardarão a apuração dos fatos.

PENITENCIÁRIA “JOAO BATISTA DE SANTANA” DE RIOLÂNDIA
A companheira de um sentenciado foi surpreendida pelas imagens do scanner corporal durante os procedimentos de revista em visitantes. O aparelho indicou a presença de um objeto inserido na genitália o qual, após ser retirado do corpo da mulher, constatou-se tratar de um invólucro com 01 (um) celular e 03 (três) chips. A Polícia Militar foi acionada, a mulher suspensa do rol de visitas e conduzida à Central de Flagrantes de Votuporanga para as providências cabíveis.

PENITENCIÁRIA DE FLORÍNEA
Uma foto com anotações de conta corrente e telefone foi encontrada com a irmã de um sentenciado que tentava visitar o irmão na unidade prisional enquanto a mãe de outro sentenciado, após a visita, tentou sair do local com um chinelo trocado com o do filho que cumpre pena no local. Elas foram barradas por agentes penitenciários e suspensas do rol de visitas.

PENITENCIÁRIA “SILVIO YOSHIHIKO HINOHARA” DE PRESIDENTE BERNARDES
Neste final de semana, sete visitantes do sexo feminino foram surpreendidas tentando entrar com ilícitos, documentos falsos e objetos proibidos no presídio. Uma delas trazia escondido nos chinelos substâncias com características de maconha, cocaína e papel com suposta droga sintética conhecida por K4.

utra mulher fez uso de documento falso tentando se passar por outra pessoa para efetuar visita. Pouco tempo depois, outras duas visitantes foram flagradas, cada uma com 01 (um) micro celular escondido em suas genitálias. No dia seguinte, outras três visitantes foram flagradas emposse de micros telefones celulares escondidos em suas genitálias e, por fim,em pertences deixados do lado de fora da porta de entrada da Portaria II, foram encontrados outros 02 (dois) aparelhos de telefonia celular e um carregador debateria.

Todas as visitantes foram suspensas do rol de visitas e conduzidas à Delegacia de Polícia local, onde foram lavrados os respectivos Boletins de Ocorrência. Em todos os casos, foram instaurados Procedimentos Disciplinares para apurar a cumplicidade dos sentenciados que receberiam os ilícitos.

DOMINGO(16/06/19)
PENITENCIÁRIA”ASP. PAULO GUIMARÃES” DE LAVÍNIA (PIII)
Durante revista do “jumbo”,alimentos trazidos aos sentenciados por visitantes, Agentes de Segurança Penitenciária descobriram que uma mulher trazia maços de cigarro com ilícitos ocultos, pois, no interior destes, havia substância com odor e características de maconha totalizando 67 (sessenta e sete) cigarros, os quais a mulher alegou que de nada sabia já que trazia o fumo a pedido de uma amiga. No mesmo dia, outra mulher foi flagrada com um pedaço de bolo de tapioca que escondia 02 (dois) aparelhos de telefonia celular. Foram realizados os procedimentos de praxe, as mulheres suspensas do rol de visitas e os sentenciados que receberiam os maços foram isolados preventivamente em cela disciplinar.

PENITENCIÁRIA “OZIAS LÚCIO DOS SANTOS” DE PACAEMBU
A visitante D.F. da S. A, companheira de um sentenciado, ao passar pelo aparelho BodyScanner foi surpreendida tentando adentrar à unidade com 02 (dois) pedaços de papel esbranquiçado, supostamente droga sintética K4. O ilícito estava escondido em sua blusa, colado no lado interno da vestimenta.

A Polícia Militar foi acionada e a visitante conduzida após o flagrante para a Delegacia de Polícia local, para as providências de praxe, além de ser suspensa do rol de visitas.Também foi instaurado Procedimento Disciplinar para apurar eventual cumplicidade por parte do sentenciado que seria visitado, o qual se encontra isolado preventivamente em Pavilhão Disciplinar, bem como, autuado Expediente Avulso visando à suspensão da visitante em comento.

PENITENCIÁRIA DE OSVALDO CRUZ
Ao passar por revista com uso do equipamento de scanner corporal, a companheira de um reeducando foi flagrada tentando adentrar as dependências da Unidade Prisional portando 01 (um) aparelho de telefonia celular sem chip, sem bateria e sem cartão de memória,que se encontrava introduzido em sua genitália. Foram tomadas todas as providências necessárias, sendo inclusive acionada a Polícia Militar, que a conduziu ao plantão policial para a elaboração de boletim de ocorrência.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Fonte:
Anunciante

SOFRIMENTO

Idosa que morreu queimada havia sido assaltada e espancada no dia 4 de março

Publicado em

Idosa é amparada por PM no dia em que foi agredida e assaltada. Foto: Reprodução Record Rio Preto

A pensionista Edna Garcia, de 85 anos, que morreu durante incêndio no final da noite desta segunda-feira em sua casa, na rua Professor João Evangelista da Costa, bairro Vila Industrial, em Araçatuba, havia sido vítima de um assaltada e foi espancada e sofreu cortes provocados por uma faca, durante ataque de um casal de dependente químicos que havia entrado pela segunda vez na casa dela.

Na época o Regional Press divulgou reportagem sobre o assalto. Uma mulher de 25 anos e um homem de 32, ambos desempregados e conhecidos nos meios policiais, invadiram a casa da idosa, na noite de 4 de março, quando ela já estava dormindo.

O casal anunciou o assalto e passou a agredir a idosa com socos e chutes. A mulher portava uma faca e deu alguns golpes na perna da idosa, provocando vários cortes. A vítima foi socorrida com cortes e diversos hematomas pelo corpo.

Vizinhos presenciaram o casal pulando o muro para fugir e acionaram a Polícia Militar, que encontrou a dupla próximo a casa da vítima, com R$ 40 que eles haviam roubado da pensionista, além da faca utilizada pela mulher nas agressões. O casal continua preso pelo crime.

Fogão destruído no incêndio na casa da idosa

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

INVESTIGAÇÃO

Suspeito de atear fogo em concessionária é colocado em liberdade em audiência de custódia

Publicado em

O homem de 32 anos que foi preso em flagrante no final da tarde desta segunda-feira com munições de arma de fogo e drogas, suspeito de ser o autor do incêndio que destruiu a concessionária Hyundai Caoa de Araçatuba na madrugada de sábado, foi colocado em liberdade após audiência de custódia na manhã desta segunda-feira pela Justiça de Araçatuba.

O suspeito, que é funcionário da empresa, foi preso em flagrante porque durante diligências na república onde mora, no bairro Nova York, os policiais encontraram munições de uso restrito e irrestrito, além de diversas peças de veículos da marca da concessionária onde trabalha.

Apesar de ser suspeito do incêndio, o flagrante se deu devido às munições encontradas em sua casa. Ainda não há provas que ele tenha sido o autor do incêndio, motivo pelo qual a análise da custódia foi apenas em função das munições, já que, por falta de provas e como as investigações ainda estão em andamento, o delegado não pediu a prisão dele.

Durante o incêndio as chamas deixaram 12 carros completamente destruídos e prejuízo estimado em cerca de R$ 2,5 milhões. A estrutura do prédio foi comprometido e o imóvel interditado pela Defesa Civil.

De acordo com o boletim de ocorrência, os policiais passaram a investigar o incêndio depois que 10 cartas foram encontradas na concessionária e chegaram até o suspeito, que é funcionário da empresa. Inicialmente chegou-se a cogitar, pelo teor dos bilhetes, que também poderia ser algum cliente insatisfeito, tese que não foi mantida durante as investigações.

Na tarde de segunda-feira, o suspeito foi abordado por uma equipe da Polícia Civil dentro da empresa e levou os policiais até a residência dele, no bairro Nova Iorque.

No local foram encontradas diversas peças de carros da mesma marca que a concessionária vendia. Ao dar continuidade nas buscas, munições de uso restrito e irrestrito também foram apreendidas.

Ainda segundo o registro policial, uma porção de maconha foi encontrada no porta-luvas do carro do supervisor, que confessou ser usuário de drogas.

Sobre as peças dos automóveis, ele afirmou que elas possuíam defeitos e que iam para descarte. Contudo, não disse o que pretendia fazer com elas.

O gerente da concessionária foi chamado, reconheceu as peças e informou que o trabalhador não tinha autorização para levá-las para casa.

Questionado pelos policiais, ele negou ter ateado fogo ou participado da ação criminosa contra a empresa.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

FLAGRANTE

Dono de oficina é preso por receptação com diversas peças de motos desmanchadas

Publicado em

Policiais militares de birigui receberam denúncia de que em uma oficina estaria ocorrendo desmanche de motos furtadas e roubadas e uma equipe foi até o local para averiguar a denúncia, encontrando no local um homem já conhecido nos meios policiais.
Ao ser informado da denúncia, ele apresentou alguns motores que estavam desmontados. Após pesquisa, não foram encontrados indícios de irregularidades. No entanto, os policiais encontraram uma caixa de papelão e questionaram o acusado, que afirmou não saber o que havia no interior do objeto.
Ao verificar a caixa, os PMs encontraram um motor intacto com a numeração aparente, onde após consulta constou ser de uma moto placas ECW-8624, furtada em Araçatuba no dia 19 de junho. Além do motor, foram localizadas na oficina várias outras peças de moto cuja procedência o indiciado não soube informar.
A perícia técnica compareceu ao local, sendo feito o devido registro fotográfico e apreensão. Foi dada voz de prisão ao acusado pelo crime de receptação, sendo ratificada pelo delegado de plantão sem direito a fiança, permanecendo o mesmo preso à disposição da Justiça.
Ainda pelo local compareceu um outro indivíduo alegando que Matheus já havia vendido o referido motor pra ele pelo valor de RS 1 mil, onde ele já havia pago uma entrada de 350 reais.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
87