CONECTE CONOSCO

ARAÇATUBA

Briga generalizada acaba em tiroteio em frente à tabacaria

Publicado em



Uma briga generalizada terminou em tiroteio em frente a uma tabacaria na rua Bandeirantes, bairro Vila Mendonça, em Araçatuba, na madrugada desta sexta-feira. Não houve feridos e três pessoas foram detidas, incluindo um adolescente.

Policiais militares foram acionados para atendimento de ocorrência de uma briga generalizada em frente a uma tabacaria na rua Bandeirantes, onde teriam sido ouvidos vários tiros. Ao chegar no local os policiais ouviram a versão de um rapaz de 18 anos, morador no bairro Vista Verde.

Ele disse que discutiu com sua namorada e em seguida passou a ser agredido pelo irmão dela, um desempregado de 24 anos morador no bairro Água Branca, que inclusive é bem conhecido nos meios policiais por envolvimento com o tráfico e outros crimes. Segundo o rapaz, além de ser agredido, o desempregado teria sido o autor dos disparos, que não o acertaram. Ele fugiu em um carro de cor escura.

Com base nas informações e como o acusado é conhecido, os PMs foram até a zona leste e iniciaram patrulhamento para encontrar o suspeito. O veículo foi localizado com dois ocupantes, o acusado de ser o autor dos tiros e das agressões estava no banco do passageiro e um adolescente de 17 anos dirigia o carro.

Ao receber ordem de parada o adolescente acelerou e tentou fugir, mas os dois acabaram sendo detidos. O veículo foi vistoriado mas nada de irregular foi encontrado. Os três foram ouvidos e liberados. Na delegacia, o rapaz de 18 anos apresentou versão diferente ao que disse aos PMs, e afirmou que não sabia quem havia efetuado os tiros.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Anunciante

SANTO ANTÔNIO DO ARACANGUÁ

Distrito de Vicentinópolis ganha Base Policial e Centro Administrativo

Publicado em

Criança se vestiu a caráter para prestigiar a inauguração da base policial de Vicentinópolis

A prefeitura de Santo Antônio do Aracanguá inaugurou na noite da última quarta-feira, 9, uma base de apoio para a Polícia Militar e um Centro Administrativo Municipal, para atender a comunidade do distrito de Vicentinópolis, localizado a 20 km da sede do município.

O primeiro ato inaugural foi na base de policiamento, que, além do prefeito Rodrigo Santana (DEM), do vice-prefeito Roberto Doná (PSDB) e vereadores locais, contou com a presença do prefeito de Nova Luzitânia, Laerte Rocha (PSDB), do diretor da Regional Araçatuba da Secretaria de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Lucas Ganga, e de representantes da Polícia Militar.

ATIVIDADE DELEGADA

Em seu discurso, o prefeito Rodrigo Santana destacou a importância da base policial que servirá de apoio aos militares, garantido uma presença mais frequente da polícia no distrito. Ele também explicou que está em andamento no município, um projeto que visa implantar o programa ‘Atividade Delegada’ em parceria com o governo estadual, a fim de melhorar o efetivo policial para complementar a iniciativa.

Santana explicou que o projeto consiste na criação de gratificação por desempenho de atividade delegada a ser paga aos policiais militares que exercem trabalho municipal. Os policiais são recrutados através de um sistema da Polícia Militar que abre essas vagas para todos os policiais do Estado de São Paulo e, inclusive, para os que já atuam na cidade.

“Estamos a todo momento em busca de soluções para garantir mais segurança para a população e, para isso, é fundamental investir em estrutura para oferecer melhores condições de trabalho aos nossos policiais”, ressaltou.

O comandante da Terceira Companhia de General Salgado, Capitão Gledes Nelson Marques, que representou a Polícia Militar no ato de inauguração, também caracterizou a obra como uma forma de aproximar ainda mais a corporação da comunidade.

“Este ponto de apoio vai facilitar o trabalho dos policiais e melhorar a segurança da comunidade”, ressaltou. O local, segundo ele, será um ponto de referência da polícia militar no distrito para o registro de boletins de ocorrências, base de apoio e orientação, além de servir de abrigo aos policiais em épocas de chuva e frio.

SUBPREFEITURA

Após o ato de inauguração do posto policial, autoridades e as pessoas da comunidade que estiveram presentes seguiram para outra solenidade festiva, onde descerraram a placa da obra de reforma e ampliação do prédio destinado ao Centro Administrativo Municipal, que recebeu o nome de um antigo morador do distrito, Joaquim da Silva Vieira.

Já no início da inauguração oficial do prédio, o prefeito convidou umas das filhas do homenageado, a professora Lúcia Vieira Camargo, que fez um discurso emocionante em nome de toda a família.

Em seu pronunciamento, o prefeito Rodrigo Santana explicou sobre a funcionalidade do novo Centro Administrativo, que acomodará os setores que estão ligados à administração pública municipal como, por exemplo, os serviços da subprefeitura do distrito, Social e Meio Ambiente.

“Além de concentrar a maioria dos atendimentos em um só lugar, o prédio é bem localizado, com excelente estrutura física e fácil acesso, proporcionando mais comodidade aos moradores e agilidade nos serviços oferecidos”, destacou o prefeito.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

POLÍTICA

Câmara vota projeto que permite a instalação de postos de combustíveis em supermercados

Publicado em

Medida pode beneficiar o consumidor, já que os preços nestes estabelecimentos costumam ser inferiores aos praticados no mercado

Após ser adiado por cinco sessões, o projeto de lei que permite a instalação de postos de combustíveis em supermercados e hipermercados volta à pauta da Câmara Municipal de Araçatuba nesta segunda-feira (14).

A proposta, de autoria do vereador Rivael Papinha (PSB), dá nova redação ao inciso VIII do artigo 3º da Lei Municipal nº 5.236, de seis de abril de 1998.

Pela redação atual, não podem ser instalados postos de combustíveis a menos de cem metros, em qualquer direção, de escolas, creches, hospitais, supermercados e hipermercados, nem a trinta metros de cursos d’água e mananciais hídricos. A proposta do vereador pretende excluir desta proibição os supermercados e hipermercados.

“É possível que tais estabelecimentos tenham interesse em atuar no ramo de revenda de combustíveis, fato corriqueiro nos grandes centros urbanos, que beneficia muitos clientes de supermercados e hipermercados, lembrando que para se instalarem os postos revendedores seguem rígidas regras de segurança”, afirmou o autor do projeto em sua justificativa.

Para os supermercados, a medida é uma forma de agregar mais serviços. Já para os clientes, a vantagem é que, em alguns casos, a gasolina é comercializada pelos supermercadistas a preços inferiores dos praticados no mercado.

LOBBY

Por esta razão, donos de postos de combustíveis de Araçatuba são contrários à proposta e, na tentativa de convencer os vereadores a votarem contra a proposta, compareceram à Câmara de Araçatuba nesta semana. Eles também deverão marcar presença no Legislativo durante a votação do projeto, nesta segunda-feira.

 

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
82