Oi, o que você está procurando?

Audiência de Custódia

Homem e duas mulheres ficam presos após apreensão de 127 quilos de maconha

Um homem e duas mulheres, acusados de tráfico de drogas, passaram por audiência de custódia na Justiça na manhã deste sábado, em Araçatuba.

O trio havia sido preso ontem com pelo menos 127 tabletes de maconha e haxixe que estavam em um carro abordado pelo TOR (Tático Ostensivo Rodoviário) em um posto de combustíveis na rodovia Marechal Rondon (SP-300).

Por decisão da Justiça, o auto de prisão em flagrante foi convertido em prisão preventiva. Com isso, os três acusados serão encaminhados para presídios da região. Se condenados, poderão pegar de 5 a 15 anos de prisão.

A ação do TOR ocorreu na tarde deste sábado. Durante patrulhamento, os policias desconfiaram de um Hyundai Tucson, que parou para abastecer em um autoposto na margem da rodovia Marechal Rondon.

Na abordagem, os patrulheiros encontraram, no veículo, 127 tabletes de maconha, 19 pacotes contendo skank e um tablete de haxixe.

O motorista disse que pegou o carro em Dourados (MS) e que o levaria até Campinas, no interior de São Paulo. Pelo serviço, ele receberia R$ 2 mil.

MULHERES

Durante a abordagem, os policiais notaram que duas mulheres estavam em outro veículo e que acompanhavam o acusado.

Elas foram presas e levadas para a delegacia com o motorista da Tucson. Conforme os policiais, os três indiciados são da cidade de Campinas.

As mulheres negam envolvimento no esquema de tráfico. O advogado Flávio Batistella, de Araçatuba,  que defende as acusadas, disse que suas clientes não sabiam da existência das drogas no veículo Tucson.

Segundo ele, as moças são garotas de programa e foram contratadas apenas para fazer companhia ao motorista, nada sabendo sobre a atividade ilegal dele.

CARRO ROUBADO

Durante a ação, os patrulheiros do TOR descobriram que o carro carregado com a droga havia sido roubado em Sumaré (SP).

Os PMs acharam duas placas com veículos da mesma característica. Além do tráfico, o motorista irá responder pelo crime de receptação.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
39