Oi, o que você está procurando?

Conselho dá início a processo de tombamento de antiga estação ferroviária

O Conselho Municipal de Políticas Culturais decidiu, por unanimidade, instaurar um processo de tombamento da antiga estação ferroviária de Araçatuba, localizada na Avenida dos Araçás. A decisão foi tomada durante reunião extraordinária do órgão, realizada nesta quarta-feira (22).

Com o tombamento, o prédio da estação estará protegido até o final do processo, que não tem um prazo para ser concluído. Se tombado, o espaço deverá ser preservado por município.

Foram solicitados dois laudos pelo Conselho, um para avaliar as condições estruturais da estação, que deverá ser feito por um engenheiro; e outro, feito por um arquiteto, que irá apontar se a estrutura é considerada histórica.

A antiga estação ferroviária foi inaugurada em 31 de dezembro de 1963. O projeto é do arquiteto Luís Soares Villaça, com obra realizada pela empresa Valter Ishida Eng. e Const. Ltda.

Em março deste ano, a Prefeitura anunciou a intenção de demolir o prédio, com a justificativa de melhorar a urbanização da área e a interligação da Zona Norte com a Sul.

A decisão, no entanto, mobilizou arquitetos, historiadores, artistas e representantes da sociedade civil.

Sete pedidos de tombamento do prédio foram protocolados na Prefeitura, desde então, mas cabe ao Conselho Municipal de Políticas Culturais deferir ou não as solicitações, o que foi feito nesta quarta-feira, com o início do processo para que o imóvel seja tombado.

MEMÓRIA

Para os defensores da manutenção do prédio, a antiga estação de embarque de passageiros faz parte da memória da cidade e é considerada histórica por marcar um período de pujança econômica do município.

Além disso, o espaço tem 56 anos, o que é considerado relevante em uma cidade de 110 anos de fundação, como é o caso de Araçatuba.

Com a retirada dos trilhos do centro da cidade, em 1992, a estação foi desativada e transferida para uma nova, em Ferdinando Laboriaux, que hoje está praticamente abandonada.

Três anos depois, o transporte ferroviário de passageiros foi extinto, por causa do baixo interesse no modal.

Na antiga estação, na Avenida dos Araçás, funciona parte do Departamento Municipal de Trânsito (Demtra) e um guichê da Transportes Urbanos Araçatuba (TUA), para venda de passes e carregamento do cartão da empresa.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
41