CONECTE CONOSCO

Urgente

Crime em Família: irmãos matam outro e são presos em Araçatuba

Publicado em



Dois irmãos foram presos em flagrante acusados de matarem outro irmão em Araçatuba. O crime aconteceu na noite de ontem (7) no Jardim Universo, periferia da cidade. A motivação seria o furto de um celular.

De acordo com os dados policiais, Vlademir Gomes, 41 anos, morreu após ser agredido pelos irmãos mais novos, Gustavo Vitor Gomes, 29 anos, e Thiago Ilario Gomes, 33 anos.

A briga ocorreu na rua Conde Zepelim e a vítima foi encontrada, agonizando, em uma área verde na estrada no Goulart, perto da Fundação Casa.

Conforme as primeiras informações da polícia, a dupla acusada teria levado o irmão para o mato em um carro. O veículo foi apreendido para ser periciado.

DESCOBERTA DO CRIME

Na noite de ontem, a Polícia Militar recebeu uma ligação informando que havia um homem caído e desacordado em um matagal. O denunciante dizia ser irmão da vítima, mas não falou nada sobre agressão ou briga.

Vlademir foi socorrido pelo resgate do Corpo de Bombeiros, mas chegou sem vida ao hospital.

A Polícia Militar começou a montar o quebra-cabeça da história logo em seguida. Com a informação do ocorrido, os policiais militares Glayson e Teramussi notaram que, pouco antes, haviam atendido uma ocorrência de possível briga entre irmãos perto do local onde a vítima foi encontrada.

Vlademir Gomes tinha 41 anos

Na ocasião, a PM havia sido chamada para conter um desentendimento, mas no local não havia mais ninguém. Uma testemunha revelou ter visto dois irmãos agredirem com golpes de madeira o outro irmão.

A informação chamou a atenção dos policiais que passaram a apurar os dois casos como parte da mesma ocorrência.

Os policiais militares Luís Antônio e Erivelto, que atendiam a morte suspeita,  levaram uma foto da vítima até a testemunha que presenciou a briga e esta confirmou que o rapaz que estava apanhando era o mesmo que havia morrido. Ato contínuo, os policiais militares prenderam Gustavo e Thiago por participação no homicídio.

De acordo com a polícia, outra testemunha chegou a relatar ter visto os dois acusados colocarem a vítima em um Fiat Uno, carro encontrado com os indiciados.

Mesmo com os depoimentos das testemunhas, os acusados negaram a agressão e o assassinato. No entanto, um detalhe observado pelos policiais coloca os acusados na cena do crime.

De acordo com a testemunha que presenciou a agressão, a vítima estava com um frasco de desodorante na mão quando foi surpreendida pelos irmãos. Os PMs acharam um frasco da mesma cor e marca no carro encontrado com os acusados.

Outro dado importante foi o depoimento de uma tia dos envolvidos. Ela afirmou aos policiais que os acusados saíram atrás da vítima ao descobrirem o furto de um celular de dentro de casa.

“Tudo leva a crer que esses irmãos mataram o outro por causa desse celular”, disse o delegado Abelardo Alves Gomes durante o auto de prisão em flagrante, na madrugada de hoje (8), no plantão policial de Araçatuba. O procedimento foi acompanhado em primeira mão pelo Regional Press.

O corpo de Vlademir Gomes foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para exame necroscópico. Ainda na Santa Casa, a equipe médica plantonista constatou hematomas na vítima. O laudo do legista vai apontar o que causou a morte. A polícia também apura se houve algum tipo de asfixia.

De acordo com os policiais que atenderam a ocorrência, os presos não teriam esboçado qualquer reação ou sentimento pela morte do irmão. O velório deve ocorrer no decorrer no dia. Enquanto isso, os irmão deverão estar em uma cela da cadeia de Penápolis. A ação contou com o apoio do sargento Barros e cabo Roque.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
Anunciante

flagrante

TOR prende mulher com 2 quilos de haxixe em ônibus na Rondon, em Araçatuba

Publicado em

Uma mulher de 21 anos foi presa por tráfico de drogas após ser flagrada com cerca de dois quilos de haxixe em uma fiscalização do TOR (Tático Ostensivo Rodoviário) na rodovia Marechal Rondon (SP-300), em Araçatuba. A acusada estava em um ônibus proveniente do Mato Grosso do Sul.

Durante a blitz, no final da tarde deste domingo (20), os patrulheiros acharam cinco tabletes da droga na bagagem da passageira, identificada pelas iniciais L.C.O.R., moradora de Cariacica (ES).

A mulher alegou aos policiais que pegou a droga na cidade de Coronel Sapucaia (MS) e que levaria o carregamento para Governador Valadares (MG), onde receberia R$ 3 mil pelo transporte.

L.C. foi autuada em flagrante no plantão policial de Araçatuba na noite deste domingo. Ela será apresentada em audiência de custódia hoje (21). Se condenada pelo crime, poderá pegar de 5 a 15 anos de prisão.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO

violência

Marido mata a mulher a tiros em Rio Preto

Publicado em

Uma mulher de 31 anos foi morta pelo marido com um tiro na noite deste domingo (20), em Rio Preto. Segundo informações preliminares, o disparo teria acertado a cabeça da vítima. As informações são do jornal Diário da Região.

As polícias Civil e Militar compareceram ao local do crime, um bar que pertencia ao casal, localizado na rua Guaporé, bairro Anchieta. A perícia também foi acionada.

O corpo de Sayara Maria será encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Rio Preto. Só depois de passar pelo exame necroscópico é que será liberado para o velório e enterro.

Testemunhas relatam que a filha do casal, uma criança, presenciou a cena. A menina pegou o cachorro de estimação no colo e correu, chorando e pedindo socorro.

A ocorrência está em andamento e será apresentada na Central de Flagrantes. Até o momento, não há informações sobre o autor do crime, que teria se entregado à polícia.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
CONTINUE LENDO
error: Conteúdo protegido. LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998
79