Oi, o que você está procurando?

Espetáculo teatral “Pé na Curva” é atração desta sexta-feira

Apresentação será realizada a partir das 21h, no Cine Teatro do CEU das Artes

A população penapolense está convidada a prestigiar, gratuitamente, na sexta-feira (24) a apresentação teatral do Grupo Cia de 2, da cidade de São José dos Campos. O espetáculo “Pé na Curva” chega à cidade por meio do Proac SP (Programa de Incentivo à Cultura do Estado de São Paulo), graças a uma parceria entre a Prefeitura de Penápolis e a Secretaria de Estado da Cultura.

A apresentação será realizada a partir das 21h, no Cine Teatro do CEU das Artes, localizado na Rua Manoel Foz 515 (Vila Aparecida). Os ingressos são limitados a 80 unidades, devido à capacidade do local. Estes ingressos serão distribuídos uma hora antes do espetáculo. A classificação é de 16 anos.

“Pé na Curva” conta a história de Tolo e Infeliz, dois andarilhos que levam a vida a vagar como os únicos sobreviventes de um mundo pós-apocalíptico. Através de um sonho, as personagens foram designadas a uma missão, mas por um erro acabaram se perdendo. Agora, Tolo e Infeliz tentam de todas as formas retornarem ao caminho que os levará a um único destino.

Inspirado nas duas obras de Samuel Beckett, Esperando Godot e Fim de Jogo, “Pé na Curva” apresenta duas figuras grotescas num eterno jogo que traz uma ruptura nos elementos dentro do espetáculo: corpo, cenário, figurino, maquiagem, luz e som. Assim, é exposta toda degradação do ser humano.

O Grupo

Na comparação que o próprio grupo teatral faz a respeito da peça, em 10 anos de atuação constatou-se que o mundo pós-apocalíptico de “Pé na Curva” não está tão distante dos dias que se seguem hoje. Para eles, talvez Tolo e Infeliz possam ser nosso próprio reflexo diante de um espelho quebrado.

O Grupo Teatral Cia de 2 iniciou sua atuação em 2006 em São José dos Campos, onde desenvolve seu trabalho até hoje. Tomando como ponto de partida o existencialismo e prezando pela verdade cênica, o estado visceral do ator, o grupo afirma doar tudo de si em cena, considerando como se cada encontro com o público fosse o último.

Confira a Ficha Técnica: Autor e diretor – Jonas di Paula; Figurino – Aparecida Maria; Cenografia – Jonas di Paula; Sonoplastia – Cia de 2; Concepção de luz – Renato Junior; Operação de Luz e Som – Renato Junior; Produção – Cia de 2; Produção Executiva – Jean de Oliveira; Arte Gráfica – Márcio Douglas; Fotografia – Paul Constantinides.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!