Oi, o que você está procurando?

Polícia vai esperar amanhecer para tentar conter rebelião no RN

A polícia do Rio Grande do Norte vai esperar amanhecer para tentar conter a rebelião na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, cidade vizinha a Natal.

O motim deixou ao menos 17 mortos, segundo vídeo obtido por VEJA que mostra os corpos de detentos, em sua maioria decapitados.

Maior penitenciária do Estado, Alcaçuz tem cerca de 1.150 presos em um espaço com capacidade total para 620.

A rebelião começou por volta das 16h30 (no horário local, 17h30 no horário de Brasília) e, até 22h30 (horário de Brasília), não havia sido controlada. Os presos teriam invadido o pavilhão 1 e o 5.

A ação teria sido causada por uma briga entre o Primeiro Comando da Capital (PCC) e o Sindicato do Crime RN.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!