Oi, o que você está procurando?

Distrito Federal

Vídeo: sargento do CBMDF é preso por apalpar seio de menina em mercado

Imagens das câmeras de segurança mostra o momento da agressão do militar. Ele foi levado à delegacia

Um sargento do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal (CBMDF) foi preso, em flagrante, após passar a mão nos seios de uma adolescente de 14 anos, dentro de um supermercado, na região do Setor O, em Ceilândia, na tarde desta sexta-feira (4/6). Claudiney Valadares Lula foi autuado por importunação sexual na Delegacia Especial de Atendimento a Mulher II (Deam II).

Câmeras do circuito interno de segurança do estabelecimento filmaram o momento exato em que o militar apalpa o seio da menina. A vítima passava por um dos corredores do mercado na companhia da mãe e do irmão quando o bombeiro, que vinha na direção contrária, cometeu o assédio. Em um movimento rápido, o militar estica o braço e desliza uma das mãos sobre o seio da adolescente.

Atordoada, a menina avisou aos pais que o homem havia abusado dela. Durante a confusão, o sargento negou que havia encostado na adolescente. Ao pedir ajuda aos funcionários do mercado, os parentes da menina assistiram pelo vídeo o momento em que a menina teve o seio apalpado.

Linchamento

Populares chegaram a ameaçar linchar o bombeiro, mas ele acabou jogado ao chão e segurado pelas pessoas que estavam no local até a chegada de uma viatura da PM. Ele foi levado para a Deam e autuado por importunação sexual. Um oficial da corporação também foi chamado para tomar conhecimento sobre o caso e conduzir o sargento para uma prisão militar.

O militar deverá passar por audiência de custódia nos próximos dias. O Metrópoles acionou o comando-geral do CBMDF para saber que tipo de medida administrativa será tomada, mas até a publicação da matéria, a corporação não havia se manifestado. O espaço permanece aberto para posicionamentos futuros.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!