Oi, o que você está procurando?

IMPASSE

Jogadores criam grupo para decidir se disputam Copa América

Movimento já reúne representantes das dez seleções do torneio

Para definir que posição tomar diante da realização da Copa América em meio ao recrudescimento da pandemia de covid-19 na América do Sul, jogadores de todas as dez seleções do continente criaram um grupo no Whatsapp a fim de definir uma posição em conjunto sobre a participação ou não no torneio. Também está em pauta uma eventual manifestação de protesto caso a Copa seja confirmada.

Pela Argentina, o atacante Sergio Agüero está entre os que fazem parte da discussão, assim como Luiz Suárez, do Uruguai, o goleiro Claudio Bravo, do Chile, e o meia Cuadrado, da Colômbia. Casemiro, do Brasil, também tem mantido contato com os colegas que jogam na Europa e fazem parte das seleções sul-americanas. Todos eles querem ter o cuidado de dialogar com suas respectivas comissões técnicas e as federações locais para que não sejam acusados de cometer ato de indisciplina.

O maior temor do grupo é a exposição a alguma cepa mais agressiva do coronavírus, cuja disseminação está acelerada, principalmente no Brasil, confirmado há poucos dias como país-sede da Copa. Alegam que estariam pondo suas famílias em risco e esse é o argumento que consegue mais adesão ao grupo.

Jogadores do Paraguai e do Equador, segundo o Terra apurou, foram contatados na tarde dessa quinta-feira (3) e se integraram aos demais. Bolivianos, peruanos e venezuelanos também têm participado das discussões. A programação da Copa América prevê a abertura da competição no dia 13 de junho

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!