Oi, o que você está procurando?

Retomada da Economia

Restaurantes e comércio podem funcionar até 21h a partir deste sábado

Estabelecimentos poderão atender com 30% de ocupação; novas regras valem até 23 de maio

Anúncio foi feito governador João Doria, que prorrogou a fase de transição, com menos restrições, até o dia 23 de maio

O governador João Doria (PSDB) anunciou a ampliação do horário de funcionamento do comércio, salões de beleza, barbearias, academias e restaurantes até as 21h e atendimento com 30% de ocupação dos estabelecimentos em todo o Estado. As novas regras da chamada fase de transição do Plano São Paulo de retomada da economia valem a partir deste sábado (8), véspera do Dia das Mães, até o dia 23 de maio.

O toque de recolher passa a ser das 21h às 6h e as recomendações de teletrabalho para as atividades administrativas não essenciais, assim como o escalonamento do horário de entrada e saída de atividades do comércio, serviços e indústria estão mantidas.

O coordenador do Centro de Contingência da Covid-19, médico Paulo Menezes, disse que a maior flexibilização foi possível em decorrência da redução do número de casos, internações e óbitos nas três semanas da fase de transição.

“Se compararmos o pico desta segunda onda, de um mês atrás, com a situação atual, temos uma evolução importante. Houve uma redução de mais de 30% do número de óbitos e internações no Estado, além de uma diminuição no número de casos diários”, afirmou.

Ele disse ainda que o avanço da cobertura vacinal, especialmente dos grupos mais vulneráveis, já está impactando na diminuição dos casos mais graves, o que contribui para a redução de internações e perdas de vidas.

O que muda na nova fase de transição

Validade:

De 08 a 23 de maio

Atividades comerciais:

Atendimento presencial entre 6h e 21h

Atividades religiosas:

Atividades presenciais individuais e coletivas

Restaurantes e similares

Consumo no local entre 6h e 21h

Salões de beleza e barbearias:

Atendimento presencial entre 6h e 21h

Atividades culturais:

Atendimento presencial entre 6h e 21h

Academias:

Atendimento presencial entre 6h e 21h

Parques estaduais e municipais

Funcionamento das 6h às 18h

Regras gerais:

Funcionamento com 30% da capacidade de ocupação do estabelecimento e aplicação de protocolos sanitários
Toque de recolher das 21h às 6h
Teletrabalho para atividades administrativas não essenciais
Escalonamento do horário de entrada e saída de atividades do comércio, serviços e indústria

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!