Oi, o que você está procurando?

Política

Governo do Maranhão multa Bolsonaro por causar aglomeração e não usar máscara

O valor pode variar entre R$ 2 mil e R$ 1,5 milhão. Ele tem 15 dias para apresentar sua defesa

Leonardo Sakamoto – O governo Flávio Dino (PC do B) autuou Jair Bolsonaro (sem partido) por infração sanitária, nesta sexta (21), por descumprir decretos estaduais que obrigam cidadãos a usarem máscaras em espaços públicos, não promoverem aglomerações e não realizarem eventos – medidas sanitárias contra a covid-19.

O presidente da República cometeu a infração em Açailândia, município a 560 quilômetros da capital São Luís.

De acordo com a assessoria do governo do Maranhão, o valor pode variar entre R$ 2 mil e R$ 1,5 milhão. Ele tem 15 dias para apresentar sua defesa e, a partir daí, a Vigilância Sanitária, responsável pela autuação, definirá o valor.

Bolsonaro realizou ato para a entrega de 282 títulos de propriedade rural a assentados em Açailândia, promovendo aglomeração de fãs e curiosos nas ruas e na sede do Sindicato dos Produtores Rurais. Em diversos momentos, ele cumprimentou a multidão sem usar máscara.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!