Oi, o que você está procurando?

Rede Municipal

Educação de Araçatuba alerta para aumento de faltas de alunos às aulas

Muitas crianças ficaram com falta todos os dias porque não houve a devolução das atividades escolares; situação pode ser comunicada ao Conselho Tutelar

A secretária Silvana de Sousa e Souza reconhece que, com a pandemia, muitos prejuízos foram trazidos à Educação, mas eles podem ser diminuídos se houver a colaboração das famílias - Foto: Divulgação

A Secretaria Municipal de Educação de Araçatuba alerta para o grande número de alunos que estão faltando às aulas e também não estão fazendo as atividades propostas pelos professores da rede municipal de ensino. Caso a situação não seja revertida, o município irá comunicar estes casos ao Conselho Tutelar para que as famílias sejam responsabilizadas.

O problema tem ocorrido com alunos que os pais optaram por parte das aulas de forma remota e também com os que estão exclusivamente nas aulas remotas. De acordo com a secretária de Educação, Silvana de Sousa e Souza, as atividades propostas pelas escolas não estão sendo devolvidas.

“No dia 30 de abril fizemos o fechamento do primeiro bimestre e muitas crianças ficaram com falta todos os dias porque houve a não devolução dessas atividades. Isso faz com que a criança fique com falta e nota baixa”.

As atividades que os professores passam aos alunos são importantes para o desenvolvimento das crianças. Para aqueles que não têm recurso tecnológico, a escola imprime as atividades e as disponibiliza para os pais.

A secretaria de Educação reconhece que com a pandemia muitos prejuízos foram trazidos à Educação, mas eles podem ser diminuídos se houver a colaboração das famílias.

“Contamos com o compromisso, com a responsabilidade de cada família nesse acompanhamento da aprendizagem de seus filhos, na interação com as escolas. É fundamental que as crianças façam as atividades, que deem essa devolutiva para que nós possamos continuar com esse processo de ensino-aprendizagem”, explica Silvana.

Oportunidade

Mesmo as crianças que ficaram com nota vermelha nesse primeiro bimestre ou número elevado de faltas, têm a oportunidade de fazer durante o mês de maio as atividades de compensação.

“As crianças nessa situação precisam fazer isso. Do contrário, as escolas terão que tomar medidas que a lei nos impõe, como a comunicação do caso ao Conselho Tutelar e outras medidas para que as famílias sejam responsabilizadas e que nenhuma criança deixe de ter o seu direito à Educação assegurado”, finaliza a secretária.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!