Oi, o que você está procurando?

PREVENTIVA

Biomédico é preso após agredir e ameaçar a companheira de morte

Ele foi detido em flagrante por lesão corporal, violência doméstica e ameaça, e o delegado pediu a conversão da prisão em flagrante para prisão preventiva

Imagem Ilustrativa

Um biomédico de 23 anos foi preso em flagrante acusado de ameaçar de morte e agredir a esposa, uma auxiliar de cozinha de 18 anos, na noite deste domingo (23), no bairro rural Engenheiro Taveira. Antes da briga os dois estavam bebendo e assistindo a partida entre Palmeiras e São Paulo em um bar localizado no bairro rural onde ambos residem.

De acordo com o boletim de ocorrência, o casal estava no bar assistindo ao jogo quando a moça disse que havia ingerido bebida alcoólica a mais e não estava se sentindo bem, e pediu pra ir embora. Ela disse que quando chegou em casa foi comer, e o marido, irritado jogou a comida fora, disse que ela tinha feito ele passar vergonha e partiu para a agressão.

A vítima contou que o biomédico apertou seu braço e deu uma cotovelada e um soco em seu olho direito, que provocaram lesões. Depois ele conseguiu colocar os dois joelhos em cima da vítima ameaçando-a de morte. A vítima começou a concordar com tudo o que o marido dizia, para tentar dar fim as agressões.

Quando parou de ser agredida ela conseguiu enviar uma mensagem para sua irmã e o pai logo apareceu na casa e chamou a polícia. A moça disse que já foi agredida outras vezes mas sempre deu uma segunda chance ao companheiro, que toda vez promete que vai mudar de comportamento.

O biomédico, que estava bastante alterado, foi algemado e conduzido ao plantão policial, onde permaneceu em silêncio durante o interrogatório. Ele foi detido em flagrante por lesão corporal, violência doméstica e ameaça, e o delegado pediu a conversão da prisão em flagrante para prisão preventiva.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!