Oi, o que você está procurando?

AMÉRICA LATINA

Paraguaios pedem renúncia do presidente por má gestão da pandemia

O presidente Mario Abdo Benítez vem sendo responsabilizado pela falta de medicamentos nos hospitais e as UTIs lotadas

Milhares de paraguaios tomaram as ruas da capital, Assunção, na noite da última sexta-feira (5), para protestar contra o governo do presidente Mario Abdo Benítez. Os paraguaios culpam o governo federal pela má gestão da pandemia do coronavírus.

O Paraguai vive uma escalada na pandemia, somando 164.310 casos e 3.250 mortos por covid-19.

O presidente Mario Abdo Benítez vem sendo responsabilizado pela falta de medicamentos nos hospitais e as UTIs lotadas. A imprensa paraguaia também denuncia roubo de insumos, complicando ainda mais a situação.

A vacinação também segue em ritmo lento. Sob pressão, o ministro da Saúde, Julio Mazzoleni, renunciou na tarde da última sexta-feira.

Houve uma série de confrontos com a polícia e os manifestantes chegaram a incendiar o prédio do Ministério da Fazenda. Segundo a imprensa local, ao menos 20 pessoas ficaram feridas.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
ANUNCIANTE
25