Oi, o que você está procurando?

Saúde

Sindicato pleiteia inclusão de comerciários entre prioritários na vacinação contra Covid

Argumento é que eles estão expostos a produtos e objetos de grande circulação, como mercadorias, dinheiro, o que os tornam mais vulneráveis à infecção

José Carlos dos Santos (à esquerda) e Rachides de Castro Júnior: Ofício à DRS-2 para priorizar os comerciários na vacinação

O Sindicato dos Comerciários de Araçatuba e Região pleiteia do Departamento Regional de Saúde (DRS-2) que os trabalhadores do comércio sejam incluídos no grupo de prioritários na vacinação contra a Covid-19, pois estão presentes na maioria dos estabelecimentos que sustentam a economia, como supermercados, lojas diversas, concessionárias de veículos, depósitos de materiais de construção, óticas e muitos atuam na linha de frente, como o pessoal das farmácias/drogarias.

Para que os trabalhadores do comércio sejam incluídos entre os prioritários, um grupo de diretores do Sincomerciários-Araçatuba entregou ofício nessa sexta-feira (5) ao DRS-2, órgão da Secretaria Estadual de Saúde, responsável pelo Plano Estadual de Vacinação. O ofício foi entregue ao diretor regional do DRS-2, Rachides de Castro Júnior. O DRS-2 compreende 40 municípios, dos quais 28 são da área de atuação do sindicato presidido por José Carlos dos Santos.

O sindicalista informou a Castro Júnior que os sindicatos de comerciários de todo o Estado estão pleiteando a inclusão de seus representados entre os prioritários devido ao risco a que estão expostos.

“O comércio não parou. Desde o início da pandemia os supermercados, farmácias, óticas estão atendendo. Inclusive, as farmácias são locais de testagem rápida da covid”, destacou o sindicalista. “Os comerciários é uma categoria exposta a produtos e objetos de grande circulação, como mercadorias, dinheiro, cartão de crédito, o que os tornam vulneráveis à contaminação”, ressaltou.

Em dezembro, o deputado federal Luiz Carlos Motta (PL-SP), apresentou projeto de lei incluindo os comerciários entre os prioritários na vacinação. Ele também fez um requerimento ao Ministério da Saúde reforçando o pleito. Motta é comerciário e presidente da Federação dos Empregados no Comércio do Estado de São Paulo (Fecomerciários). O grupo de diretores do Sincomerciários que esteve na DRS-2 foi formado por José Carlos dos Santos, Nirlei Gioli Maia, Odair Rodrigues dos Reis e Regiane Cortejipe.

 

 

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
ANUNCIANTE
23