Oi, o que você está procurando?

INUSITADO

Polícia prende traficante com nota falsa de R$ 420, em Presidente Prudente

Valor faz alusão ao código 4h20, usado em referência à maconha

A Polícia Civil deflagrou a segunda fase da Operação Taric, que visa o combate aos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico, nesta segunda-feira (18), Presidente Prudente (SP) e Dracena (SP). 12 pessoas foram presas, sendo seis em flagrante.

Em Presidente Prudente, os policiais cumpriram mandados no Cecap, São Bento Watal Ishisbahi, Vila Marina, Bela Vista, Jd. Brasilia e Vila Furquim. Já em Dracena o alvo foi o bairro Vila Lucélia. Sete mandados de prisão temporária e 11 mandados de busca e apreensão domiciliar foram cumpridos. A polícia apreendeu drogas, balanças de precisão, dinheiro e aparelhos eletrônicos.

Surpreendeu, entretanto, a ousadia de um dos presos: ele estava com uma nota de “quatrocentos e vinte reais” ilustrada com uma preguiça e folhas de maconha. A falsificação grosseira faz referência ao código de consumo da droga (4h20).

Segundo a comunicação da Polícia Civil do Estado de São Paulo (PCSP), a referência do número tem origem na década de 1970, quando, na Califórnia (nos Estados Unidos), um grupo de estudantes disseminou o código como uma forma de “encontro” dos usuários da droga.

Batizada de Operação Taric, a ação da PCSP durou mais de quatro meses, tendo início ainda em agosto de 2020

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!