Oi, o que você está procurando?

Luto

Médico da região morto aos 28 anos por Covid ficou quase 1 mês internado

Gillian Reis trabalhou nas cidades de Auriflama, Pereira Barreto, Murutinga do Sul e Sud Mennucci

Médico de 28 anos morre após complicações de Covid-19 — Foto: Reprodução/Facebook

Internado por quase um mês, o médico Gillian Vitor Reis, de 28 anos, não resistiu às complicações da covid-19 e morreu no último dia 15 em São José do Rio Preto (SP). De acordo com Giovana Reis, irmã do jovem, a saúde do irmão piorou após um quadro de pneumonia. As informações são do G1 e do UOL.

“Teve pneumonia e, de lá para cá, não teve melhora. Ele lutou até o final para não precisar ir para a UTI e ser entubado, pois sabia de todos os procedimentos que passaria. Mas não teve jeito, os pulmões não respondiam ao tratamento”, contou Giovana ao G1.

Formado em 2018, Gillian trabalhou nas cidades de Auriflama, Pereira Barreto, Murutinga do Sul e Sud Mennucci, na região de Araçatuba. Em outubro de 2019, ele passou a morar em Salvador (BA). Quando a pandemia começou, o médico passou a atender na UTI da Covid.

De acordo com Giovana, o irmão visitou a família no dia 13 de dezembro em Bandeirantes d’Oeste, distrito de Sud Mennucci.

Cinco dias depois, ele sentiu falta de ar e fez uma tomografia que apontou o comprometimento dos pulmões. Logo em seguida, ele já foi internado.

“Ele era muito querido por todos. O apelido dele era ‘doutor anjo’. Recebi muitas mensagens e orações de pessoas que nunca vi na vida e de outros lugares durante os 25 dias internado até o falecimento dele”, contou Giovana ao G1.

Nas redes sociais, a prefeita Katia Morita (MDB), de Auriflama (SP), cidade onde o médico trabalhou, lamentou a morte do rapaz.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!