Oi, o que você está procurando?

Música

Duplas caipiras de Araçatuba são homenageadas em show on-line neste domingo

Rodrigues Viola e Henrique são os anfitriões do projeto, que traz clássicos da música de viola caipira e histórias dos músicos convidados e homenageados

A dupla Rodrigues Viola & Henrique canta, toca e é também anfitriã de três das principais duplas sertanejas da região de Araçatuba
Muita música sertaneja de raiz e boa prosa. Talvez este seja o ingrediente perfeito para um bom almoço de final de semana para muita gente. Com o distanciamento social, porém, fazer isso presencialmente pode não ser uma escolha viável, mas a internet é uma ferramenta que vem sendo muito bem utilizada para proporcionar bons momentos ao público sem que ele precise sair de casa.

Como vem se tornando costume, a dupla Rodrigues Viola e Henrique realiza mais uma vez uma apresentação musical on-line no horário de almoço de domingo. No próximo dia 24, às 12h, a dupla coloca no ar em sua página no YouTube mais um show que tem a cultura caipira como foco. E desta vez, com convidados.

No projeto “Rodrigues Viola e Henrique convidam: Violeiros do Araçá”, os músicos cantam, tocam e também são anfitriões de três das principais duplas sertanejas da região de Araçatuba: Du Viola e Damaceno, Parreira e Rei do Valle e Sereno e Cirineu. Neste show, os artistas interpretarão canções de suas autorias, assim como sucessos de grandes nomes da música caipira que são suas referências. Além disso, contarão um pouco de suas histórias.

O show pode ser acompanhado gratuitamente no domingo na página www.youtube.com/rodriguesviolaehenrique. O projeto é realizado por meio da Prefeitura e Secretaria de Cultura de Araçatuba, financiando com recursos da Lei nº 14.017, de 29/06/2020 – Lei Aldir Blanc.

Segundo Rodrigues Viola e Henrique, o projeto evidencia duplas locais importantes. “Eles ajudaram e ajudam até hoje a manter viva a tradição da música sertaneja de raiz, seja por meio de suas apresentações, ou por meio de ensinamentos, ministrando aulas de viola”, comentam os responsáveis pelo trabalho. “São três duplas extremamente respeitadas em Araçatuba, e com eles nós levaremos para a casa das pessoas uma verdadeira roda de viola”, complementam.

Sobre Rodrigues Viola e Henrique

A dupla Rodrigues Viola & Henrique formou-se em 2004, com a finalidade de participar do “Festival da Bacia Hidrográfica do Baixo Tietê”. A dupla saiu campeã do festival, com a composição “Tietê Sangue da Terra” (de autoria própria). E o que o rio une, nada separa; a dupla segue na estrada desde então, há quinze anos.

Além dos shows no interior de São Paulo (alguns feitos por meio de instituições como Sesc e Sesi, de editais da Pref eitura de Araçatuba, além de apresentações em palcos da Festa do Peão de Barretos), já viajaram pelos estados do PR, MT, RS, GO, entre outros.

A dupla tem três CDs gravados e soma quase 30 participações em festivais de viola, com 23 títulos de campeã. Entre as boas classificações que já teve, a dupla foi finalista do segundo “Prêmio Syngenta de Música Instrumental de Viola” e do festival “Rose Abrão”, do Rodeio de Barretos, entre outras competições musicais.

Sobre as duplas convidadas

Du Viola e Damaceno formaram dupla juntos em 2016, mas as histórias individuais somam anos de carreira. Albenir Almeida do Nascimento, o Du Viola, é professor e defensor do estilo Tião Carreiro desde 1993. João Damasceno, natural de Lavínia (SP) e morador de Araçatuba desde 1963, é outro apaixonado pela música de raiz e multi-instrumentista; teve alguns parceiros ao longo dos anos, mas passou a maior parte de sua carreira sendo músico freelancer no lendário “forró do Januário”, casa de shows araçatubense bastante popular hoje extinta.

Já Nilton Lourenço da Cruz (Parreira), nascido em Turiúba (SP), e o araçatubense Rei do Valle (João Batista I. de Oliveira) tocam juntos desde 2010. Nilton formou sua primeira dupla nos anos 1970, com Parreirinha, e depois, Parrerito. Nos 1980, formou nova dupla com Pavão. Anos mais tarde formou dupla com Douradinho, gravando com ele um LP pela gravadora Transcontinental. João Batista conta que ganhou de seu nome artístico (Rei do Valle) de Tião Carreiro. Já formou dupla com Zé Goiano, entre outros parceiros, e soma quase dez discos gravados (entre CDs e LPs).

Itamar de Oliveira e Aristides Bega se encontraram no ano de 2012, formando assim a dupla Sereno e Cirineu. Itamar teve seu primeiro contato com a música através de seu pai, que era cantador de serestas e “reizeiro”. Nascido na zona rural de Lourdes (SP), mudou-se para Araçatuba ainda menino a procura de oportunidades de trabalho, mas nunca deixou de lado sua paixão pelas tradições caipiras. Aristides, natural de General Salgado, aos 23 anos mudou-se para Araçatuba, sem nunca tirar da memória os sucessos de duplas caipiras como Zilo e Zalo, Pedro Bento e Zé da Estrada, e Belmonte e Amarai, entre outros.

Serviço

Show online “Rodrigues Viola e Henrique convidam: Violeiros do Araçá”
Dia 24 de janeiro, domingo, às 12h
Para assistir: www.youtube.com/rodriguesviolaehenrique

Acesso gratuito

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!