Oi, o que você está procurando?

Penápolis

Dupla é presa ao tentar assaltar comerciantes com revólver de brinquedo

Mulher contou que tinham uma dívida de R$ 800 em drogas com o comparsa

Uma mulher de 40 anos e um ajudante de pedreiro, de 55, foram presos em flagrante na madrugada deste domingo (3), em Penápolis, acusados de tentar assaltar um casal de comerciantes. O crime ocorreu na rua Giácomo Paro, na Vila Fátima.

As vítimas reagiram e conseguiram desarmar a criminosa, que estava com um revólver de brinquedo. Ela confessou o crime. Policiais militares patrulhavam a cidade quando, por volta da 0h30, foram acionados a comparecer no local, onde acontecia um roubo.

Chegando lá, os PMs encontraram um forneiro de 57 anos e uma gerente administrativa, de 51. Eles seguravam a acusada e entregaram a arma de brinquedo, relatando que fechavam o estabelecimento, quando notaram que duas pessoas vinham em direção a eles.

Luta

Ainda segundo as vítimas, a mulher estava a pé, enquanto o ajudante de pedreiro de bicicleta. Ao se aproximarem, a acusada sacou o revólver de brinquedo, anunciando o assalto. Neste momento, o forneiro e a gerente reagiram e entraram em luta corporal, conseguindo desarmá-la. O comparsa fugiu.

A mulher contou que tinha uma dívida em drogas de R$ 800 com o ajudante e, por isso, combinaram de roubar para quitar a pendência. Ela relatou que o acusado estaria por perto e lhe daria fuga. Os militares fizeram buscas e o encontraram a pé, próximo ao local do crime.

O investigado negou a participação no assalto e não trazia nada de irregular, mas foi reconhecido pelas vítimas, que tiveram ferimentos e foram levados ao pronto-socorro, onde passaram por atendimento médico, assim como os acusados.

Na sequência, a dupla foi conduzida ao plantão policial para prestar esclarecimentos. Na unidade, a mulher confirmou o roubo, mas negou que o ajudante estivesse com ela. Mesmo assim, o delegado decretou a prisão de ambos. A acusada seria encaminhada para uma unidade prisional feminina da região, enquanto o acusado para a cadeia local. A arma de brinquedo e duas tocas ninjas foram apreendidas. (Por: Ivan Ambrósio)

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!