Oi, o que você está procurando?

Pandemia

Covid-19: Araçatuba inicia o ano com 164 casos positivos e três mortes

Vítimas são três homens com idades de 43, 53 e 37 anos de idade; nesta segunda, município ultrapassou os 10 mil casos positivos da doença

O primeiro boletim epidemiológico do ano, divulgado nesta segunda-feira (4) pela Secretaria Municipal de Saúde de Araçatuba, traz 164 positivos de Covid-19 e três mortes. Com isso, o município acumula 209 óbitos e 10.117 pacientes infectados desde o início da pandemia. Destes, 8.631 estão recuperados. Há, ainda, 414 pessoas à espera de resultado de exames.

Os dados acumulam os casos registrados no período de 1º de janeiro até esta segunda, já que em razão do feriado e do fim de semana prolongado, a Secretaria de Saúde não divulgou os boletins.

As mais recentes vítimas da pandemia são três homens, de 43, 53 e 37 anos de idade, que estavam hospitalizados e faleceram, respectivamente, no sábado (2), domingo (3) e nesta segunda (4). O município investiga outras três mortes e aguarda a análise dos materiais coletados e encaminhados ao Instituto Adolfo Lutz de São Paulo.

Nos hospitais da cidade, houve seis novas internações e cinco altas médicas nas últimas 24 horas. Permanecem internados com diagnóstico ou suspeita da infecção pelo novo coronavírus 49 pacientes. Destes, 26 estão em leitos de enfermaria, e 23 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), dos quais 22 estão em ventilação mecânica.

O município notificou mais 250 casos suspeitos da doença nesta segunda. Estas pessoas passarão por exames para confirmar ou descartar o diagnóstico de Covid-19. Até agora, são 29.594  casos suspeitos notificados, dos quais 19.063 testaram negativo para a doença.

Dezembro

O novo avanço do novo coronavírus na cidade vem sendo registrado desde dezembro, que acumulou um recorde de casos da doença – o mês teve o maior número de confirmações de infectados -, com um total de 1.783, quantidade superior à de julho, que até então havia registrado o maior número de casos positivos (1.752).

Em comparação com novembro, houve um aumento de 91,9% no número de casos em dezembro, já que naquele mês foram notificados 929 pacientes infectados ante os 1.783 de dezembro. Em relação a mortes, o penúltimo mês do ano registrou 19 óbitos e o último, 17.

 

 

 

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!