Oi, o que você está procurando?

LEVANTAMENTO

Apple passa a Amazon e se torna a marca mais valiosa do mundo

A Amazon, que agora ocupa a segunda posição, está avaliada em US$ 254,2 bilhões (R$ 1,36 trilhões)

Pela primeira vez em cinco anos, a marca Apple é a mais valiosa do mundo, com US$ 263,4 bilhões (R$ 1,41 trilhões), ultrapassando a Amazon e o Google. A Amazon, que agora ocupa a segunda posição, está avaliada em US$ 254,2 bilhões (R$ 1,36 trilhões). O ranking é da Brand Finance Global 500.

A estratégia de diversificação parecer ter dado certo, pois a marca aumentou em 8% o seu valor de mercado em 2020. Com Tim Cook no comando, a marca se expandiu para além do iPhone e bateu forte em serviços como software (iOS, iPad OS, mac OS e aplicativos), varejista (Apple Store), provedora de serviços (iCloud) e distribuidora e produtora de conteúdo (Apple Music e Apple TV+). A empresa está planejando fabricar um carro elétrico autônomo até 2024.

No que diz respeito ao crescimento e diversificação da marca Apple, o CEO da Brand Finance, David High, disse: “Estamos testemunhando um pensamento diferente, mais uma vez. Do Mac ao iPod, ao iPhone, ao iPad, ao Apple Watch, aos serviços de assinatura, ao infinito e além.”

A Amazon, apesar de perder o posto de primeiro lugar, teve um crescimento de 15% e foi diretamente relacionado à pandemia de Covid-19, que assolou o mundo todo e fez com que as pessoas ficassem em casa e consumissem mais produtos e serviços da marca. Durante o segundo e terceiro trimestre de 2020, as plataformas de e-commerce da gigante varejista tiveram o maior crescimento de receita desde 2016.

Também ultrapassado pela Apple, o Google está em terceiro lugar, após um aumento de apenas 1% no valor da marca, para US $ 191,2 bilhões. Um pouco atrás de seus pares em termos de diversificação, o Google registrou seu primeiro declínio de receita como resultado da pandemia. A grande maioria da receita do Google vem de publicidade, que sofreu um abalo no ano passado, conforme os orçamentos de marketing apertaram.

A Tesla, por sua vez, assumiu o primeiro lugar como a marca de crescimento mais rápido no mundo. Enquanto outras montadoras enfrentavam dificuldades no ano passado, a Tesla se beneficiou de fortes vendas e acelerou as entregas. A montadora de carros elétricos, que divulgará seus lucros do quarto trimestre na tarde de quarta-feira, deve fechar em 2020 histórico com seu primeiro ano fiscal de lucratividade.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
ANUNCIANTE
36