Oi, o que você está procurando?

Araçatuba

16 mil comerciários da região têm reajuste salarial retroativo a setembro

Os salários já corrigidos deverão ser pagos até o quinto dia útil de fevereiro

Gener Silva e José Carlos dos Santos, durante assinatura da CCT, que teve o cuidado de desonerar as empresas

Cerca de 16 mil comerciários de Araçatuba e mais sete municípios da região tiveram reajuste salarial de 2,94% retroativo a 1º de setembro de 2020, data-base da categoria.

Os salários já corrigidos deverão ser pagos até o quinto dia útil de fevereiro e as diferenças dos meses anteriores poderão ser quitadas em até três parcelas nos meses de abril, maio e junho.

A reposição de 2,94% é resultante de convenção coletiva de trabalho (CCT) entre o Sindicato dos Comerciários de Araçatuba (Sincomerciários), presidido por José Carlos dos Santos, e a entidade patronal, dirigido por Gener Silva.

Com o percentual de 2,94%, os salários normativos passaram a ser R$ 1.121,00 (office boy e empacotador), R$ 1.349,00 (faxineiro e copeiro), R$ 1.528,00 (empregados em geral), R$ 1.642,00 (operador de caixa) e R$ 1.793,00 (garantia do comissionista).

Sobre as diferenças salariais os meses de setembro, outubro, novembro e dezembro de 2020, não haverá incidência de encargos trabalhistas, previdenciários ou tributários, assim como sobre verbas indenizatórias, férias, 13º salário e bônus do Dia do Comerciário. Sobre estes valores não haverá encargos porque a retroatividade a 1º de setembro será a título de abono indenizatório. Porém, o funcionário demitido neste período terá de receber as diferenças em uma única parcela.

Por ser abono indenizatório, o custo do retroativo será menor para as empresas. Essa foi uma solução encontrada pelo Sincomerciários-Araçatuba e a entidade patronal para desonerar as empresas, todas elas atingidas pela pandemia do coronavírus.

O percentual de 2,94% também está abaixo do custo de vida nos 12 meses anteriores à data-base (1/09/2019 a 31/08/2020), mas seguiu uma tendência registrada pela pesquisa Salariômetro da Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), que em novembro passado constatou que em cada dez convenções coletivas, só uma tinha reajuste superior ao Instituto Nacional de Pesquisas ao Consumidor (INPC), que mede a inflação oficial do País.

O percentual de 2,94% será aplicado sobre os salários de aproximadamente 16 mil comerciários do setor varejista das cidades de Araçatuba, Guaraçaí, Ilha Solteira, Itapura, Pereira Barreto, Santo Antônio do Aracanguá, Sud Mennucci e Suzanápolis. O presidente do Sincomerciários-Araçatuba, José Carlos dos Santos, informa que em caso de dúvida, o comerciário deve ligar para o (18) 3301-9374 e agende um horário com o departamento jurídico.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!