Oi, o que você está procurando?

jogador

Rapaz assassinado no São José estava em festa e foi socorrido pela mãe

Ele estava desempregado, era capitão de um time de futebol amador e deixa uma filha de seis meses

O jovem Rodrigo Marques de Araújo, 28 anos, assassinado no bairro São José, em Araçatuba, na madrugada deste sábado (26) estava em uma festa em uma área de lazer na rua Fundador Paulino Gato, onde acontecia uma festa. Ele, que deixa uma bebê com apenas seis meses,  foi socorrido pela mãe, a funcionária pública municipal Sônia Pereira Marques.

Sônia disse à reportagem do Regional Press que havia alugado uma área de lazer no bairro Palmeiras, onde a família se reuniu para passar o Natal. Rodrigo também estava na festa, mas a noite ele saiu e foi até outra festa que acontecia no bairro São José, onde provavelmente iniciou-se uma briga que acabou resultando na morte de seu filho.

Conforme o boletim de ocorrência, policiais militares receberam a informação de um homicídio na rua Joseph Smith Junior, bairro São José, onde a princípio foi notificado como sendo o local dos fatos.

No entanto, em apuração preliminar, os policiais apuraram que era o local em que a vítima havia sido localizada por sua mãe, que o levou ao pronto-socorro municipal. No local foram encontrados resquícios de sangue que seguiam da rua Joseph Smith Junior até a rua Fundador Paulino Gato, onde funciona uma área de lazer.

No local foram localizadas manchas de sangue próximas ao portão de entrada, indicando que houve alguma luta. Policiais Civis foram até o Pronto Socorro Municipal, onde a mãe de Rodrigo informou que que seu filho esteve presente na festa no local.

Sônia disse à reportagem do Regional Press que seu filho estava com lesões na cabeça, aparentemente provocadas com caco de vidro, além de perfurações de tiro. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Bebê

A mãe de Rodrigo disse que ele trabalhou em indústria e ultimamente estava desempregado, e as vezes faziam alguns bicos. Por conta do desemprego ele tentava acertar sua vida afetiva com uma mulher, com que tinha uma bebê de apenas seis meses.

Futebol

Rodrigo era capitão do time amador Atlético Sport, vencedor do campeonato local no domingo, dia 20. Integrantes do time fizeram várias homenagens nas redes sociais.  Uma das mensagens, em nome do time, diz o seguinte: “É complicado falar bom dia hoje. A família Atlético Sport perde um grande irmão. Para todos, tudo que eu falar dele aqui é pouco. Meu capitão Rodrigo, meu atleta ,meu irmão, não estamos acreditando ainda, a ficha não caiu. Pai, coloca nosso irmão num bom lugar aí em cima, e conforte o coração dos familiares e amigos. Vai em paz irmão, estamos todos orando por você”.

Enterro

O velório será a partir da tarde deste sábado na capela funerária da Cardassi da avenida da Saudade e o enterro está marcado para este domingo, às 15h, no cemitério Recanto de Paz, no Jardim Rosele.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
ANUNCIANTE