Oi, o que você está procurando?

POLÊMICA

Prefeitura de São Paulo cancela shows virtuais de Réveillon

Administração municipal foi criticada sobre cachê de R$ 320 mil que seria pago à dupla sertaneja Maiara e Maraísa para apresentação on-line

São Paulo – A Prefeitura de São Paulo decidiu cancelar os shows e as comemorações virtuais que seriam realizados na capital paulista para o Réveillon 2021. Segundo a Secretaria Municipal de Turismo, a suspensão ocorre diante do agravamento da pandemia provocada pelo coronavírus na cidade e da reclassificação do município para a fase amarela do Plano São Paulo.

“Embora tenham sido tomadas todas as precauções para total segurança de artistas e profissionais envolvidos, conforme determinação dos protocolos de saúde, com esta medida, a cidade de São Paulo espera enf atizar a importância de manter o distanciamento social e as medidas de prevenção à COVID-19 durante as festas de fim de ano”, afirma a pasta em nota.

O cancelamento acontece após a prefeitura receber críticas pelos cachês previstos para as apresentações. A contratação da dupla sertaneja Maiara e Maraisa por R$ 320 mil para um festival de réveillon on-line causou revolta em grupos de artistas paulistanos.

O vereador eleito Rubinho Nunes (Patriota), ligado ao Movimento Brasil Livre (MBL), chegou a acionar a Justiça para contestar a contratação da dupla e impedir a live.

“Bruno Covas quer torrar R$ 320 mil com um show da virada virtual. A falta de respeito à moralidade administrativa é escatológica. Processei a Prefeitura de SP para barrar o absurdo!”, disse Nunes em suas redes sociais.

A secretaria informou que os recursos destinados inicialmente à contratação artística serão utilizados para uma ação conjunta entre as pastas de Cultura e de Turismo “com foco em atividades artísticas de conscientização da população sobre cuidados sanitários diante da Covid-19.

“A Secretaria Municipal de Turismo fomentará outras formas de promoção do turismo na cidade de São Paulo que sejam seguras e estejam de acordo com as novas diretrizes sanitárias da pandemia de Covid-19”, afirma.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!