Oi, o que você está procurando?

pandemia

Penápolis registra 48ª morte pelo coronavírus; leitos de UTI estão com 90% de ocupação

A mais recente vítima da pandemia em Penápolis é um homem de 82 anos, que faleceu no sábado (26)

Foto: Reprodução/Visual Science

A morte de um homem de um homem de 82 anos, ocorrido no último sábado (26), em Penápolis, e que estava em investigação, teve o diagnóstico positivo para a Covid-19, o novo coronavírus. Com isso, a quantidade de óbitos registrados na cidade, desde o começo da pandemia, passa a ser de 48.

Boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde mostra ainda que, nas últimas 24 horas, 17 novos casos positivos foram registrados, passando de 2.316 para 2.333. Deste total, cinco pacientes estão internados, 319 em quarentena e 1.961 já se recuperaram.

Até o momento, 327 aguardam resultado dos exames laboratoriais ou a data para a realização do teste rápido. Outros 494 foram descartados por avaliação clínico-epidemiológica e 5.486 tiveram resultado negativo para o coronavírus.

Microrregião

Na microrregião, Glicério registrou mais um óbito, totalizando cinco. A quantidade de casos positivos voltou a subir no município, passando de 195 para 207, tendo 21 em tratamento, 181 curados e 26 suspeitos monitorados.

Avanhandava aumentou de 303 para 316, sendo 279 curados, 28 em quarentena e nove mortes. Barbosa passou de 142 para 150. Deste total, 146 se recuperaram, dois seguem em tratamento domiciliar e houve duas mortes.

Braúna continua com 125, tendo 115 curados, quatro em isolamento e seis óbitos. Alto Alegre segue com 122. Do total, 103 estão recuperados, 16 seguem em quarentena e foram registradas três mortes.

Por fim, Luiziânia segue com 97. Noventa e três já se curaram, dois estão em quarentena e duas pessoas não resistiram às complicações da doença.

Leitos

Os leitos de UTI do Hospital de Campanha estão com 90% de ocupação. Dos dez disponíveis, nove estão com pacientes, sendo três de Penápolis – dois positivos para a doença e um que aguarda resultado – e seis de Barbosa, Birigui e Glicério. Já os de enfermaria estão em 50%.

Das 20 unidades, dez estão ocupadas por seis pessoas da cidade – três diagnosticadas com o coronavírus e três esperando exames -, além de quatro de Andradina, Birigui, Glicério e Piacatu. Os três leitos de suporte ventilatório estão disponíveis. No total, o hospital está com 19 pacientes recebendo atendimento médico.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!