Oi, o que você está procurando?

Violência sexual

Homem é preso após estuprar mãe adotiva e irmã com síndrome de down

O homem confessou os abusos para a irmã, mas, em depoimento ele negou os crimes

Imagem Ilustrativa

Um homem, de 37 anos, foi preso após estuprar a mãe adotiva e a irmã, que tem síndrome de down. O crime aconteceu no dia 12 de outubro em Belo Horizonte, Minas Gerais. Na última quinta-feira, a Polícia Civil informou que o suspeito violentou as vítimas dentro da residência da família.

A mãe, de 74 anos, morreu após a violência sexual. Para a polícia, a morte da mulher foi em decorrência do estupro.

“O investigado aproveitou que uma irmã tinha ido a Belo Horizonte e praticou ato libidinoso (passando as mãos nas partes íntimas) contra uma outra irmã adotiva, de 35 anos, que tem síndrome de down. A mãe viu a situação e interpelou o filho, que largou a irmã e a levou para um quarto. Lá estava um outro irmão, que tem esquizofrenia em altíssimo grau. Pediu que ele se cobrisse dentro do quarto e, diante dessa situação, praticou conjunção carnal, anal, mordeu o corpo da mãe e atos libidinosos em todo o corpo da senhora”, revelou a delegada Alessandra Álvares em entrevista ao jornal O Tempo.

Após o crime, o acusado passou a ameaçar uma irmã que tomou conhecimento dos crimes. De acordo com informações da Polícia Civil, o homem confessou os abusos para a irmã, mas, em depoimento ele negou os crimes.

O homem foi preso e indiciado por estupro qualificado pelo resultado morte e pelo estupro de vulnerável da irmã com síndrome de down.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!