Oi, o que você está procurando?

FLAGRANTE

Guarda aposentado e sobrinha são presos por disparo e porte ilegal de arma de fogo

Um dos policiais viu uma mulher segurando uma arma nos fundos de uma creche municipal e efetuando os disparos

Um guarda municipal aposentado de 52 anos, e a sobrinha dele, uma desempregada de 36 anos, foram presos em flagrante por policiais do Baep (Batalhão de Ações Especiais de Polícia) na noite desta quinta-feira. A mulher estava com uma arma do guarda municipal efetuando disparos em direção a uma mata, ao lado de uma escola, no bairro Alvorada, em Araçatuba.

Os policiais do Baep faziam patrulhamento pela rua Eça de Queiroz quando ouviram vários disparos de arma de fogo e resolveram fazer uma averiguação. Um dos policiais viu uma mulher segurando uma arma nos fundos de uma creche municipal e efetuando os disparos. Os policiais pularam o alambrado e fizeram o cerco, no momento em que o guarda já havia pego a arma que até então estava com a sobrinha. A arma era uma pistola 380 com 10 munições intactas.

O guarda confirmou a propriedade da pistola e a princípio confessou que havia deixado a sobrinha dar uns tiros. No entanto, ao perceber que seria conduzido à delegacia, ele mudou a versão e passou a dizer que a sobrinha pegou a arma que estava em cima da mesa, negando que tenha emprestado a ela. Ele possui a documentação da arma.

Em cima de uma mesa os policiais encontraram mais munições de calibre 380, além de munições de calibre 22 e 635. O guarda e a sobrinha dele foram presos em flagrante e liberados após pagamento de fiança nos valores de R$ 900 e R$ 500, respectivamente.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!