Oi, o que você está procurando?

FLAGRANTE

Agricultor é preso com arma e multado por manter pássaros em cativeiro

Ele pagou fiança de R$ 1,1 mil para responder ao processo em liberdade

Um agricultor de 60 anos foi multado pela Polícia Militar Ambiental, na manhã desta quarta-feira (9), em R$ 3 mil por manter preso pássaros em cativeiro. Ele ainda foi preso em flagrante com uma espingarda, mas pagou fiança de R$ 1,1 mil e responderá ao processo em liberdade. O caso ocorreu na zona rural de Luiziânia. Elas foram soltas em seu habitat natural.

Segundo apurado, consta que uma equipe recebeu denúncia de que uma pessoa estaria criando as aves em seu imóvel. Chegando ao local, os policiais encontraram seis pássaros nativos silvestres em cativeiro sem autorização do órgão ambiental competente.

Eram três da espécie tico-tico, um canário da terra, um sabiá e um papa-capim. Questionado, o agricultor contou que desconhecia da proibição. Diante da irregularidade, o investigado recebeu multa no valor de R$ 3 mil. Ainda durante as buscas na propriedade, os policiais encontraram, em cima de um guarda-roupa, uma espingarda de calibre 28.

O agricultor disse que não tinha a documentação dela e, por isso, recebeu voz de prisão em flagrante e foi levado à delegacia para prestar esclarecimentos. Na unidade, o delegado arbitrou fiança para que respondesse ao processo em liberdade. Como a quantia foi paga, ele foi ouvido e liberado. Os pássaros apreendidos em gaiolas foram posteriormente soltos. As aves estavam em estado bravio, conforme laudo veterinário. (Por: Ivan Ambrósio)

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!