Oi, o que você está procurando?

Interior de SP

Homem é condenado a 33 anos de prisão por feminicídio em Jaú

Réu não se conformava com fim de relacionamento

Denunciado pela Promotoria de Justiça de Jaú, um homem que matou a ex-companheira na frente da filha de ambos foi condenado pelo Tribunal d o Júri. A pena imposta ao réu foi de 33 anos de prisão em regime fechado. Ele não poderá recorrer em liberdade.

Segundo a denúncia, o homem não se conformava com o fim do relacionamento amoroso, que durou nove anos. Após sofrer várias perseguições e ameaças, a vítima já havia obtido medidas protetivas junto ao Judiciário. Contudo, o réu atraiu a ex-companheira para fora de um estabelecimento comercial e a atacou na rua com vários golpes de faca.

A Justiça acatou a tese do MPSP de que o réu agiu por motivo torpe, com uso de meio cruel, recurso que impossibilitou a defesa da vítima e por razões de condição de sexo feminino.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!