Oi, o que você está procurando?

Tendência

Encontro virtual com corretores é o novo normal do mercado imobiliário

BRN PAR realiza o segundo meeting on line para divulgar projetos, empreendimentos e comissões aos profissionais do mercado imobiliário que somam R$ 15 milhões

Com as limitações impostas pela pandemia da Covid-19 em praticamente todos os setores econômicos produtivos, o mercado imobiliário também teve que se reinventar. Neste contexto, surgiram os meetings on line, que, embora incipientes, já se estabelecem como o novo normal.

A BRN PAR realizou durante a semana o seu segundo encontro virtual com corretores para divulgar projetos, empreendimentos e alavancar as vendas dos seus imóveis.

O evento reuniu mais de 400 profissionais de Araçatuba e da região. O primeiro foi realizado em abril. De acordo com o administrador da BRN Lomy, Evandro Nobre Cruz, que comandou as apresentações nas duas ocasiões, os meetings são tradicionais no mercado imobiliário, mas, antes da quarentena, ocorriam de forma presencial, para apresentação dos produtos, lançamentos e perspectivas de mercado das construtoras.

“Com a pandemia, o processo de digitalização se intensificou e os meetings on line chegaram para ficar. A tendência é que o uso da ferramenta só aumente, afinal, com a internet as empresas conseguem alcançar um maior número de corretores, ao passo que os custos são menores. O digital, que dizíamos ser o futuro, já é o presente”, comenta Cruz.

Dos números expostos pela BRN, como R$ 1, 7 bilhão de land bank em empreendimentos residenciais, em várias cidades do estado de São Paulo, em VGV (Valor Global de Vendas), um encheu especialmente os olhos dos corretores: R$ 15 milhões.

Este é o valor total das comissões de vendas da empresa disponíveis para esses profissionais. “Trata-se de uma oportunidade inigualável para o Noroeste Paulista, tanto para o corretor quanto para o cliente de todas as classes sociais, pois estamos falando de imóveis que vão de R$ 50 mil a R$ 1 milhão”, afirma Nobre Cruz.

Destaque do meeting

O ponto alto do meeting foi a apresentação do Residencial Sylvio José Venturolli, que a BRN vai lançar nas próximas semanas na região Norte, no final da via Etelvino Pereira dos Santos, às margens da rodovia Elyeser Montenegro Magalhães.

Com 512,9 mil m2, casas, lotes residenciais, comerciais e mistos, trata-se de um dos maiores empreendimentos imobiliários dos últimos anos no município. O projeto vislumbra também espaços para a instalação de equipamentos comunitários e urbanos, como UBS (Unidade Básica de Saúde), escola e creche, assim como praças de lazer, prática esportiva e entretenimento. As áreas institucionais somam mais de 39 mil m2.

Planejado, o Sylvio Venturolli se enquadra na nova doutrina de urbanização chamada Territórios Inteligentes. Tratam-se de áreas que proporcionam interação entre os cidadãos e os serviços e tecnologias disponíveis, possibilitando a melhoria na qualidade de vida, impactando positivamente em saúde, mobilidade, educação, eficiência em energia e segurança pública.

Nesse sentido, o conjunto residencial se conecta ao plano de mobilidade urbana do município, com acesso facilitado por diversas vias, como a Etelvino, recentemente duplicada com participação da BRN PAR, assim como pela avenida 2 de Dezembro, que teve o prolongamento recentemente pavimentado, e pela rodovia Elyeser, que interliga a região à toda a cidade, seja pelas avenidas Jorge Mellem Rezek, Waldemar Alves, Ibirapuera e pelas entradas da rodovia Marechal Rondon.

“Mostramos aos corretores todos os diferenciais desse empreendimento, que são muitos. Estamos falando de um novo bairro que nasce totalmente planejado e completo, vislumbrando espaços residenciais, comerciais e institucionais. Ou seja, ele apresenta opções para quem deseja morar, instalar a sua empresa ou as duas coisas juntas. Isso sem falar na grande facilidade de acesso”, afirma o administrador da BRN Lomy, Evandro Nobre Cruz.

Pré-cadastramento

O primeiro módulo que será comercializado é composto de 289 casas do programa Minha Casa minha Vida (MCMV), das Faixas 1,5 e 2, mais lotes residenciais, com áreas a partir de 152 m2, e lotes comerciais. As casas terão 43,94 m², laje, garagem para dois carros, dois quartos, banheiro, sala, cozinha, área de serviço e quintal com área para ampliação. No MCMV, a Faixa 1,5 conta com subsídio de R$ 31.665,00, e a Faixa 2, de R$ 20.035,00.

“O projeto das casas do Sylvio Venturolli foi desenvolvido por arquitetos privilegiando a humanização dos espaços e a sua fácil ampliação”, explica Nobre Cruz.

O atendimento aos interessados em se cadastrar previamente pode ser feito na Central de Vendas da BRN Lomy, na rua Rangel Pestana, no Centro de Araçatuba, em frente ao Sotck Atacadista, pelo telefone e WhatsApp (18) 3637-2020. Os atendimentos presenciais serão agendados e levarão em conta todos os protocolos de segurança sanitária referentes à pandemia da Covid-19.

As casas do Sylvio Venturolli são semelhantes às do Residencial Luana, cujas obras já começaram, também na região Norte de Araçatuba. O prazo de entrega é de 24 meses. Serão 158 casas do MCMV, nas Faixas 1,5 e 2. A maior parte dos contratos de financiamento com a Caixa já foi assinada, mas ainda há unidades disponíveis.

Oportunidade

O administrador da BRN Lomy, Evandro Nobre Cruz, fez questão de ressaltar no meeting informações que consolidam e dão ainda mais credibilidade à marca junto aos corretores. A empresa é a maior construtora do Noroeste Paulista e, do ano passado para cá, concluiu vários empreendimentos em Araçatuba, Birigui, José Bonifácio, Mirandópolis e Penápolis, reestruturou dois premiuns (Novo Vivaldi e Novo Iasmim, que serão entregues neste segundo semestre) e tem lançamentos previstos para as próximas semanas.

“Enxergamos a atual conjuntura como oportunidade para a realização de excelentes negócios, pois a residência nunca foi tão valorizada como agora. Com as medidas de isolamento social, pessoas de todas as classes sociais encontraram no lar o seu porto seguro. Muita gente se questiona sobre a necessidade de um imóvel mais espaçoso, confortável e com um local adequado para o sistema home office”, analisa.

Com o meeting, a BRN prepara melhor o corretor de imóveis para a atuação dos profissionais. Conhecendo melhor os produtos e diferenciais da empresa, eles tendem a vender mais. As expectativas são altas. “O fato é que o mercado imobiliário continua sendo um investimento seguro e que, em muitos cenários, como o atual, alia segurança a alta rentabilidade, principalmente em tempos de juros baixos”, finaliza Nobre Cruz.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!