Oi, o que você está procurando?

Reação do mercado

Dólar dispara e bate R$ 5,67 após Senado derrubar veto a reajustes

Moeda sobe mais de 2% com preocupações com orçamento de 2021 e trajetória da dívida pública.

O dólar opera em forte alta nesta quinta-feira (20), com as atenções dos investidores voltadas para as discussões em torno do orçamento do governo para 2021 e preocupações sobre a trajetória das contas públicas, após o Senado derrubar o veto do presidente Jair Bolsonaro ao reajuste salarial de servidores públicos.

Às 14h32, a moeda norte-americana subia 1,71%, vendida a R$ 5,6230. Na máxima até o momento chegou a R$ 5,6730. Já o dólar turismo era negociado ao redor de R$ 5,91. Veja mais cotações.

Na véspera, o dólar fechou em alta de 1,14%, a R$ 5,5287 – maior patamar de fechamento desde 22 de maio (R$ 5,5842). Na semana, o dólar passou a acumular alta de 1,83%. No mês, tem alta de 5,97%, e no ano, de 37,88%.

Nesta quinta-feira, o Banco Central fará leilão de swap tradicional de até 10 mil contratos com vencimento em março e setembro de 2021.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!
28