Oi, o que você está procurando?

bairro Aviação

Banco de Leite Humano de Araçatuba ganha nova sede

Alex Tristante/ PMA

O Banco de Leite Humano (BLH) de Araçatuba funciona, a partir desta sexta-feira (14) em um novo espaço, ainda dentro do Hospital Municipal (antigo hospital da Mulher), no bairro Aviação, porém com as instalações e nova entrada pela rua Dona Ida.

A Prefeitura de Araçatuba fez um investimento total de R$11.448, 52 (onze mil, quatrocentos e quarenta e oito reais e cinqüenta e dois centavos) para a reestruturação física do BLH, que agora está em um local amplo, planejado e de acordo com as normas da Vigilância Sanitária.

O fluxo de trabalho está adequado, agora há espaço para o armazenamento do leite cru e para armazenamento e distribuição do leite pasteurizado, adequação do ambulatório de aleitamento, que traz mais conforto para as pacientes, espaço para consultoria e atendimento às mães com dificuldade da prática de aleitamento materno ou atendimento de dúvidas quando gestante.

Visitaram a nova sede e conheceram as instalações o prefeito de Araçatuba, Dilador Borges, a vice-prefeita Edna Flor, acompanhados da coordenadora Jesiela Passarini e da secretária Municipal de Saúde, Carmem Guariente. Além da inauguração do novo espaço, foi realizado o plantio de uma árvore por representantes do Clube da Árvore de Araçatuba, como marco histórico vivo da celebração.

A coordenadora do BLH, Jesiela Passarini, comemora as conquistas do Banco de Leite nos últimos anos. “De 2017 para cá, recebemos todo o apoio da administração municipal. Tivemos ampliação da equipe, que contribuiu para a ampliação do serviço de forma geral.

A presença de motorista e viatura, por exemplo, é vital para nosso serviço, já que a coleta do leite acontece em Araçatuba, Birigui e Guararapes e é feita na residência da doadora. Também implantamos o Posto de Coleta de Leite Humano na Santa Casa de Misericórdia de Araçatuba, que é vinculado ao BLH, e tem colaborado para aumentar nossos estoques”, detalha.

Balanço dos serviços do Banco de Leite – de 2017 a 2020:

2017 – 360 doadoras, 739,7 litros de leite humano coletados e 627,7 litros distribuídos.

2018 – 562 doadoras, 1070 litros coletados e 913 litros distribuídos.

2019 – 941 doadoras, 1381 litros de leite coletados e 1100 litros distribuídos.

1º semestre de 2020 (janeiro a julho) – Durante a pandemia o BLH teve o maior pico de doação de leite humano: 783 doadoras, 1.139 litros de leite coletados e 796 litros distribuídos.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!