Oi, o que você está procurando?

retomada da economia

Araçatuba avança para a Fase Amarela do Plano SP

A região de Araçatuba avançou para a Fase 3 do Plano São Paulo, também chamada de Amarela ou de Flexibilização, o que significa que bares e restaurantes, salões de beleza, barbearias, serviços e academias de ginástica poderão voltar a funcionar com capacidade reduzida e restrições específicas.

O funcionamento do comércio, shopping centers, escritórios, imobiliárias e concessionárias já estava autorizado, também com restrições, que agora ficam mais flexíveis para estes setores.

Todos os estabelecimentos deverão respeitar regras específicas para evitar aglomerações e a possibilidade de aumento de contágio da doença.

Veja o que pode funcionar na Fase Amarela e as regras para cada setor:

 

 

O município estava na Fase Laranja, de controle, desde o dia 24 de julho e, desde então, o comércio, shoppings, escritórios e imobiliárias estavam autorizados a funcionar.

O anúncio de progressão de fase será feito nesta sexta-feira (7) pelo Governo do Estado.

 

NÚMEROS

O Plano São Paulo prevê a retomada gradual da economia, de acordo com a evolução da epidemia, levando em consideração o número de casos, de internações e de óbitos, além dos índices de capacidade do sistema de saúde, que leva em conta a ocupação de leitos de UTI e também o número de leitos para covid-19 disponíveis para cada 100 mil habitantes.

ARAÇATUBA

Na última atualização da Vigilância Epidemiológica, nessa quinta-feira (6), eram 12.051 casos suspeitos, dos quais 7.291 testaram negativo para Covid-19, 4.220 positivos, 540 aguardando exame, 63 internados, 2.787 em monitoramento/tratamento domiciliar e 96 óbitos pela doença.

Em primeiro de julho, o município de Araçatuba tinha 2.179 casos suspeitos de Covid-19, dos quais 884 testaram negativo para a doença e 767 casos positivos. Na época, haviam 460 pessoas aguardam resultado de exame, 53 pacientes internados, outros 854 em monitoramento/tratamento domiciliar e 23 óbitos.

MEDIDAS

Os estabelecimentos autorizados a funcionar deverão manter as medidas sanitárias, como o respeito ao isolamento social e ao distanciamento entre as pessoas, assim como o uso de máscaras e de álcool em gel. Há, ainda, regras específicas para cada setor.

Os bares e restaurantes, por exemplo, deverão atender somente ao ar livre ou em áreas arejadas, com capacidade 40% limitada, horário reduzido (seis horas) e consumo local até as 17h.

Os dados continuarão a ser monitorados e há a possibilidade tanto de avanço de fase no Plano São Paulo, caso haja regressão no número de casos, internações e de óbitos, quanto de retrocesso, caso haja nova evolução da epidemia.

Os comentários aqui não refletem a opinião do site, e são de responsabilidade do autor. O comentário NÃO É PUBLICADO automaticamente em seu Facebook, fique tranquilo!